BUSCAR
BUSCAR
Peixe-futebol
Peixe das profundezas do oceano é encontrado em praia com boca escancarada: “muito raro”
A espécie encontrada é uma fêmea, que usa uma estrutura luminosa localizada no topo cabeça para atrair presas na escuridão das águas profundas
CNN Brasil
13/05/2021 | 20:16

Uma espécie de peixe incomum com dentes afiados como vidro e corpo arredondado foi encontrada na costa de uma praia da Califórnia, nos Estados Unidos, na última semana. A criatura de cor preta é vista com a boca escancarada na areia da área marinha protegida do Parque Estadual Crystal Cove, em Laguna Beach, na última sexta-feira, 7.

O parque compartilhou imagens do peixe nas redes sociais e afirmou que, provavelmente, se tratada da espécie “Pacific Football Fish” (peixe-futebol do Pacífico, em português), encontradas nas profundezas do oceano.

“Ver uma verdadeira espécie como essa intacta é muito raro e não se sabe como ou por que o peixe acabou na costa”, diz o post do Facebook.

O peixe-futebol do Pacífico é uma das mais de 200 espécies de tamboril (peixe-pescador) em todo o mundo, de acordo com o Parque Estadual da Califórnia, e é normalmente encontrado nas profundezas escuras do oceano. Os dentes da criatura são afiados e pontiagudos como cacos de vidro e sua “boca grande é capaz de sugar e engolir presas do tamanho de seu próprio corpo”.

Devido ao tamanho da criatura e a uma espécie de talo protuberante no topo da cabeça usado para atrair presas, o Parque Estadual da Califórnia disse que a espécie encontrada é uma fêmea.

“Apenas as fêmas possuem um longo caule na cabeça com pontas bioluminescentes usadas como isca para atrair presas na escuridão de águas profundas de até 3.000 pés”, diz o post do Parque Estadual Crystal Cove.

Eles acrescentaram que as fêmeas podem crescer até 60 centímetros, enquanto os machos chegam apenas a 2,5 centímetros. O único objetivo do peixe macho é ajudar a reprodução da fêmea, diz o post.

“Os machos agarram-se à fêmea com os dentes e tornam-se ‘parasitas sexuais’, eventualmente coalescendo com a fêmea até que nada reste de sua forma além de seus testículos para a reprodução”, revela o post.

O corpo do peixe está detido pelo Departamento de Pesca e Vida Selvagem da Califórnia, de acordo com a afiliada da CNN, KFSN. Espera-se que a espécie seja estudada para fins educacionais e de pesquisa.

“Ver este peixe estranho e fascinante é uma prova da diversidade da vida marinha que se esconde abaixo da superfície da água”, diz o post do Crystal Cove. “À medida que os cientistas continuam a aprender mais sobre essas criaturas do fundo do mar, é importante refletir sobre o quanto ainda está para ser aprendido com o nosso maravilhoso oceano.”

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.