BUSCAR
BUSCAR
Coluna
Notas e informes: Ainda é pouco
Redação
10/03/2020 | 03:30

A presidente do Sinsp, Janeayre Souto, não ficou satisfeita com a proposta apresentada ontem por um grupo de deputados estaduais para a reforma da Previdência. Os parlamentares sugerem reduzir a alíquota mínima da proposta para 8% (4 pontos percentuais a menos do que o que foi proposto pelo governo). Ela quer, porém, que a taxação comece em 7,5%.

A representante dos servidores vai cobrar, em reunião com os deputados nesta terça-feira (10), que a faixa de isenção para os inativos seja mantida em R$ 6.101,06, como é atualmente. O governo quer baixar para R$ 2,5 mil e os deputados propõem isentar os que recebem abaixo de R$ 3,5 mil.

Pressão

As propostas de modificações no texto da reforma da Previdência, que devem ser apresentadas oficialmente hoje, foram assinadas por 11 deputados. Pela expressividade, é bem provável que a bancada do governo ceda pelo menos no ponto que diz respeito aos inativos.

Greve dos professores

Impasse na greve dos professores do Estado. O governo mantém sua proposta para pagar o piso do magistério (parcelado em 3 vezes), mas diz que está aberto a ouvir uma contraproposta. Os educadores, por sua vez, dizem que cabe ao governo melhorar a proposta. Enquanto isso, a paralisação continua…

Em boa hora?

A vice-prefeita de Parnamirim, Elienai Cartaxo, que já não tinha bom relacionamento com o prefeito Rosano Taveira há pelo menos uns dois anos, deixou para os 45 do segundo tempo para romper politicamente com o prefeito. O anúncio, às vésperas das eleições, pode não soar bem.

Identidade partidária

Mais da metade dos vereadores de Natal já decidiu ou pelo menos cogita mudar de partido nesta janela partidária. Número impressionante e que demonstra como boa parte das legendas no Brasil são, na verdade, apenas galhos para acomodar provisoriamente os políticos.

Chapão

Em Canguaretama, nada menos que 9 dos 13 vereadores migraram para o PSDB. Como as coligações não são mais permitidas, formarão um “chapão” na tentativa de reeleger todos do grupo. Movimento que deve se repetir em vários outros municípios pelo País afora por causa das mudanças na lei.

Licença

O deputado estadual Allyson Bezerra (Solidariedade) está com a cabeça na eleição de Mossoró. Tanto que estuda pedir licença do mandato na Assembleia para se dedicar integralmente à campanha. Seu colega de partido Kelps Lima (Solidariedade) avalia fazer o mesmo. Os suplentes imediatos dos dois são o subtenente da PM Eliabe Marques e o empresário Fernando Antônio Bezerra, assessor da Fiern.

De secretário a vereador

Pelo menos três auxiliares do prefeito Álvaro Dias são cogitados para a eleição de vereador este ano em Natal. São eles o procurador-geral do Município, Carlos Castim, e as secretárias Danielle Mafra (Esporte e Lazer) e Sheilla Freitas (Segurança Pública e Defesa Social). Se querem ser candidatos, eles precisam se afastar do cargo até 4 de abril.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.