BUSCAR
BUSCAR
Entrevista
Nilton Arruda: com projetos educativos, vereador pode influenciar na segurança
Policial civil com 23 anos de atuação é candidato a vereador em Natal e, nesta entrevista, fala sobre suas propostas
Redação
30/10/2020 | 05:12

O policial civil Nilton Arruda, presidente licenciado do Sinpol-RN (sindicato da categoria), é um dos nomes na disputa por vaga na Câmara Municipal de Natal nas eleições 2020. Com experiência de 23 anos atuando em setores como Divisão de Combate ao Crime Organizado e Núcleo de Inteligência Policial, ele resolveu entrar na política como parte de um projeto nacional de valorização da classe policial e de buscas por mudanças nas políticas públicas de segurança. Nesta entrevista ao Agora RN, ele explica as motivações da candidatura. Confira:

AGORA RN – O que o levou a decidir ser candidato a vereador em Natal nas eleições deste ano?

NILTON ARRUDA – Existe um projeto da Confederação Brasileira de Policiais Civis para que tenhamos policiais na política, devido ao fato de nós termos uma carência enorme de verdadeiras políticas públicas voltadas para a segurança pública. Acredito que, com minha experiência, eu posso contribuir significativamente para tornar Natal uma cidade mais segura.

AGORA RN – O senhor crê que sua experiência como policial civil e como presidente do Sinpol-RN o credencia a ser vereador?

NILTON – O RN foi o estado mais violento em 2019, e Natal é uma das capitais mais violentas do Brasil. Os jovens e os negros são a maioria das vítimas, mas parece que nenhum político se importa com isso. É como se eles vivessem em outro mundo. Durante minha atuação no sindicato, tive enorme dificuldade de sensibilizar os políticos do nosso estado para acreditarem nos projetos que poderiam impactar numa segurança pública melhor. Tenho uma experiência de 23 anos de atuação na polícia e participei de centenas de operações e milhares de prisões. Domino todas as ferramentas de investigação como interceptação telefônica, análise de vínculos, análise computacional. Participei de curso de investigação eletrônica ministrado pelo Serviço Secreto dos EUA. Tenho diversos cursos na área de Inteligência Policial. Possuo curso de Análise Financeira para Investigação Criminal, contribuí para instalação do Laboratório de Tecnologia Contra Lavagem de Dinheiro da PCRN, participei da Rede Nacional LAB-LD que é um fórum de trocas de experiências entre diversos policiais civis e federais no combate a corrupção e lavagem de dinheiro e ministrei aulas para diversas turmas na Academia de Polícia Civil sobre Inteligência, Interceptação Telefônica e Investigação Cibernética. Essas são algumas das diversas atuações que tenho na instituição. Por isso, tenho a expertise que poucos têm na minha área, e com certeza posso contribuir para que Natal possa ser uma cidade com menos criminalidade e mais tranquila. Assim, teremos um melhor fluxo no comércio e no turismo, com mais emprego.

AGORA RN – Sua principal bandeira será a segurança pública?

NILTON – Sim, mas com uma visão macro, pois a segurança está relacionada com diversas vertentes que vão desde o aumento do efetivo da Guarda Municipal até a urbanização de terrenos baldios e iluminação pública. Precisamos ter uma guarda forte e com suas ações embasadas em tecnologia, inteligência e na aproximação com o cidadão natalense. Proporcionar mais segurança contribuirá positivamente na economia da nossa cidade.

AGORA RN – O senhor acredita que um vereador tem possibilidade de influenciar nas políticas de segurança?

NILTON – Com certeza. Há diversos planos que podemos concretizar a nível municipal, que trarão influência direta na segurança. Há um pensamento equivocado sobre isso. Talvez o vereador seja o político que melhor possa atuar influenciando a segurança, através de efetivos projetos educacionais e preventivos.

AGORA RN – Que projetos efetivos poderiam contribuir para mudar a realidade de insegurança?

NILTON – Muitos candidatos se apropriam do discurso da segurança, mas não conhecem de perto a realidade. Usam o discurso apenas para ganhar votos. Eu conheço porque vivencio há dezenas de anos. Sou testemunha da necessidade de atenção que os jovens devem ter. Muitos que prendi e outros que infelizmente tombaram em confronto conosco não tinham sequer o mínimo de escolaridade. Alguns dos criminosos nem sabiam ler. Nas escolas municipais, temos a oportunidade de construir oportunidades para o futuro dos jovens. Uma escola forte com abertura para o esporte em geral e para as artes marciais, que disciplinam, levará uma melhor formação aos alunos. Disciplinas de formação orientativa que esclarecem o perigo das drogas, a educação no trânsito e eventos socioculturais nas escolas com a participação dos pais podem contribuir de forma imensurável na prevenção da violência. É essencial trazer os pais dos alunos para a escola e incentivar suas coparticipações e contribuições nas atividades educativas. Investir em estrutura e na valorização dos professores são metas essenciais para o sucesso dos projetos. Todo projeto de segurança não terá sucesso sem a participação dos diversos seguimentos da sociedade.

AGORA RN – Apesar de ser policial, o senhor tem abertura em outros segmentos, como saúde e educação. Isso tem ajudado a construir uma pauta pra cidade?

NILTON – Sem dúvida. Na luta em defesa dos policiais e servidores da segurança, estive ao lado de colegas de outros segmentos e sei quais são as necessidades que têm a saúde, a educação e o funcionalismo de base. O diálogo e os debates com estes servidores ampliaram os horizontes dos meus conhecimentos, e isto irá facilitar minhas ações na Câmara de Vereadores.

AGORA RN – Poderia elencar algumas das suas principais propostas em outras áreas além da segurança?

NILTON – Transporte gratuito para estudantes da rede municipal; disponibilizar aos jovens opções de lazer em seus bairros; criar verdadeiras ciclovias para que o cidadão possa ter uma opção alternativa de deslocamento ao trabalho e os desportistas possam ter mais segurança na prática de sua atividade física. Alterar dispositivos da Lei Municipal Nº 5915, para que se possa obter descontos no IPTU com a adoção de canteiros pelo cidadão.

AGORA RN – Caso seja eleito, o que você fará de diferente para ter o trabalho como vereador reconhecido?

NILTON – Irei adotar o Gabinete Itinerante, para que eu possa me deslocar para diversos locais e bairros da capital para ouvir as pessoas e suas demandas. O político é um servidor do povo. Não pode ficar escondido no seu gabinete, tem que ir para junto da população e atender aos seus anseios de forma mais eficiente.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.