BUSCAR
BUSCAR
Futebol
José Rocha: “Depois da minha família, o América é a minha grande paixão
Presidente do tradicional clube potiguar analisa situação atual e torce para que as dificuldades sejam superadas
Pedro Neto
30/10/2021 | 09:13

Nossa entrevista exclusiva desta edição é com o presidente do Conselho Deliberativo do América, José de Vasconcelos da Rocha. Desembargador aposentado, ex-deputado estadual, presidente executivo do clube por várias vezes, pai, avó e bisavô. ele tem 86 anos de idade, dos quais mais de 50 deles dentro do seu clube de coração. O atual presidente entregará o cargo ao próximo presidente eleito para substitui-lo no final do mês de novembro. José Rocha tem uma história dentro do América que jamais será apagada.

Agora RN – Como o senhor está vendo o atual momento do América?
José Rocha – Vejo como quase todos os momentos. As crises acontecem desde a fundação do clube. Agora, são crises diferentes. O América leva a bandeira do RN ao Brasil e ao mundo. Tenho certeza que este momento ruim vai passar.

Agora RN – O que o senhor espera do novo presidente do América?
José Rocha – Souza é muito identificado com o América. O clube o descobriu graças ao ex-presidente Jussier Santos e ao técnico Ferdinando Teixeira. Ele voltou para onde começou. Volta ao clube que o tratou muito bem. Acredito muito que ele, por ter vencido na vida, pode ser muito útil ao América. O ajudarei em tudo que for possível. Acredito muito na sua gestão.

Agora RN – Presidente, alguma mágoa do América?
José Rocha – Não. Do América, nenhuma. Ao contrário. Me orgulho de ser americano. Agora, tive alguns aborrecimentos com algumas pessoas. Depois da minha família, o América é a minha grande paixão.

Agora RN – O que dizer do ano 2021 do América?
José Rocha – Para falar de 2021 tenho que voltar a 2019. A direção daquela época deixou o clube como campeão, interrompendo o quarto título consecutivo do nosso maior adversário. Hoje, estamos vivendo uma crise muito grande. Perdemos o campeonato estadual. Não disputaremos a Copa do Nordeste, nem a Copa do Brasil em 2022. Além de não termos conquistado o acesso à série C do ano que vem que era o nosso principal objetivo. Consequentemente, ficamos com um calendário bastante reduzido. Isso tem graves consequências financeiras em um futuro bem próximo.

Agora RN – O presidente José Rocha é candidato a reeleição do Conselho Deliberativo?
José Rocha – Não sou candidato à reeleição. Já fui várias vezes e sei de como é desgastante. Já substituí vários presidentes que renunciaram à presidência executiva. Sou consciente de que ajudo dentro do que posso.

Agora RN – Como o senhor está vendo atual momento financeiro do América?
José Rocha – É um dos piores da história do clube. Muitos jogadores foram contratados e as dispensas foram ainda maiores. E o pior, sem o pagamento das devidas indenizações. Isso é pura irresponsabilidade. Não sei como o novo presidente que assumirá conseguirá equacionar este problema. Acredito que o novo presidente pode até pedir uma auditoria independente para esclarecer algumas dúvidas que estão surgindo no tocante às últimas gestões.

Agora RN – Quais as melhores lembranças do América?
José Rocha – Minha melhor lembrança foi o América ter vencido o Vasco da Gama por 1×0, em São Januário, quando eu era presidente. A segunda grande lembrança foi uma melhor de três que disputamos com nosso maior rival para saber quem representaria o estado na maior competição nacional daquela época, o equivalente hoje a série A. E os dois acessos que tivemos à série A, em 1996 e 2006, nas gestões dos presidentes Eduardo Rocha e Gustavo de Carvalho.

Agora RN – Por que o estádio Arena América ainda não está recebendo jogos?
José Rocha – Essa resposta é muito simples. Hoje, o estádio do América já tem capacidade de receber até 6 mil torcedores. Porém, a atual administração transformou o estádio em um mero campo de treinamento. Nem mesmo as taxas que deveriam ser pagas haviam sido pagas. Eu paguei do meu bolso para que tudo fosse liberado. Espero que o próximo presidente se sensibilize e leve os jogos da nossa equipe para a nossa casa, já no ano que vem.

Agora RN – Quem o senhor apoiará para a presidência do Conselho Deliberativo, na próxima eleição, em novembro?
José Rocha – O candidato do nosso grupo é José Nunes Filho, que é o atual presidente do Conselho Fiscal do clube. Aliás, vem sendo bastante elogiado por todos pelo seu trabalho. Grande profissional, com vasta experiência como gestor público. Acreditamos muito no seu potencial, na sua integridade.

Agora RN – O presidente já criou algo inovador no América?
José Rocha – Sim. Criei o Guri Americano (colégio), que chegou a ter mais 300 alunos entre os anos de 1974 e 1976. E o Gigante Rubro (sorteio de prêmios semanais), que foi um grande sucesso gerando muitos recursos ao clube.

Agora RN – O presidente José Rocha se afastará em definitivo do América?
José Rocha – Nunca. Jamais. E em hipótese alguma. Sempre que precisarem, estarei aqui. E digo mais: o atual presidente eleito já confirmou uma reunião para próxima semana para discutirmos a retomada da construção do estádio Arena América. Um sonho não apenas de José Rocha, mas de toda a nação rubra.

Agora RN – Como é relação do senhor com o Conselho Deliberativo?
José Rocha – Muito Boa. É excelente. Organizamos tudo. Fizemos um novo estatuto. Temos um conselho atuante. O grande problema é que, por eu querer sempre a prestação de contas, alguns poucos não gostam, contudo tenho o América como uma grande empresa. Então, não posso fugir de ter todas as informações necessárias para prestar esclarecimentos ao conselho ao qual eu presido.

Agora RN – O que dizer ao torcedor rubro neste momento tão sofrido?
José Rocha – Que tudo passa. Às vezes, é até bom que essas dificuldades aconteçam para sabermos com quem contamos e como iremos sair deste momento. Nada é eterno. Tudo passa e acredito que este momento sofrido também passará.

Agora RN – Qual a relação do presidente com os ex-presidentes?
José Rocha – Minha relação com os ex-presidentes é muito boa. Com uma ou outra raríssima exceção, sou grato a todos eles, que continuam ajudando e lutando pelo América. Assim como vários conselheiros que não gostam de aparecer, contudo têm relevantes serviços prestados ao clube. Prefiro não nominar, para não ser injusto com nenhum deles.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.