BUSCAR
BUSCAR
Eleições 2020
Jaidy Oliver propõe creche 24 horas em Natal e parceria com faculdades para melhorar saúde
Candidata do Democracia Cristã à Prefeitura do Natal participou de série de entrevistas do Agora RN e falou sobre projetos para educação, saúde, segurança pública e administração municipal. Ela destacou que uma das metas de sua gestão será informatizar as principais secretarias, como Saúde e Educação, para agilizar o atendimento
Redação
07/11/2020 | 05:08

A candidata a prefeita de Natal pelo Democracia Cristã, Jaidy Oliver, afirmou nesta sexta-feira 6, em entrevista ao Agora RN, que, se for eleita, vai construir na capital potiguar, nos seis primeiros meses de gestão, uma creche com funcionamento 24 horas por dia.

De acordo com ela, a implantação da unidade seria um projeto-piloto, dentro de um planejamento maior para ampliar a oferta de vagas na educação infantil de Natal. Hoje, por causa do déficit de vagas, mães precisam se submeter a um sorteio todos os anos.

Jaidy Oliver, que é pastora evangélica e disputa uma eleição pela 1ª vez, afirmou também que outra meta de sua eventual gestão será implantar quatro escolas de tempo integral na cidade, sendo uma para cada região.
Com essas duas medidas, a candidata do Democracia Cristã espera solucionar três problemas. Ela enfatizou que, atualmente, mães não podem trabalhar porque não têm com quem deixar os filhos. “Com isso, deixa a mãe trabalhar, alimenta o filho e ele aprende a base”, explicou Jaidy, enaltecendo que Natal está longe de atingir a meta nos indicadores de educação básica. “Nossa educação de base é terrível”, acrescentou.
Ainda na área da educação, Jaidy Oliver explicou que pretende incluir o incentivo à empregabilidade como conteúdo nas escolas municipais.

SAÚDE

A candidata a prefeita de Natal prometeu fazer uma vistoria completa nas unidades de saúde. Ela afirmou que, atualmente, há desperdício de recursos públicos, pois, apesar de a prefeitura investir mais do que a Constituição exige, faltam insumos em postos e hospitais. Ela falou que, como prefeita, terá o controle sobre a forma como a verba da saúde está sendo empregada.
Além disso, Jaidy Oliver disse que fará investimento na recuperação de prédios que abrigam unidades básicas e UPAs. “Os prédios são sujos, pequenos, não comportam a população do bairro”, declarou.

Ela também propõe que a prefeitura faça parcerias com universidades, para que estagiários atendam em unidades de saúde. Com isso, ela espera compor em até 1 ano todas as equipes de saúde da família que hoje não têm profissionais como médicos, enfermeiros e dentistas.

“As faculdades, privadas e públicas, têm estagiários com carga horária a cumprir. E temos na prefeitura um órgão de estágios que não funciona. Se faltam enfermeiros, atendentes, médicos e lá (na universidade) eu tenho uma pessoa que está precisando de carga horária para sua faculdade, por que não trazê-la?”, destacou.

A médio e longo prazos, ela afirmou que o planejamento é convocar concursados e fazer novos concursos para completar as equipes nos postos.
A candidata também criticou a Prefeitura do Natal por não fazer, segundo ela, um acompanhamento da qualidade da saúde pública no município. “Se não tem mensuração, como vai saber onde está o problema?”, disse ela, prometendo que vai rastrear permanentemente como está o funcionamento dos postos.

ADMINISTRAÇÃO

Jaidy Oliver disse que vai diminuir o número de secretarias da Prefeitura do Natal, juntando pastas que realizam trabalhos afins. Além disso, ela destacou que uma das metas de sua gestão será informatizar as principais pastas, como Saúde e Educação, para agilizar o atendimento aos natalenses.
Ela também falou que a filosofia de sua administração será perseguir bons resultados. “Tem que se dar resposta aos recursos investidos”, declarou.

Em relação ao funcionalismo público, a candidata do Democracia Cristã afirmou que vai cortar cargos comissionados, mantendo o mínimo necessário. “Mas não vamos ter a dança de cadeiras. Quem tiver lá e tiver competência para ficar, vai continuar na sua competência. Só que vai ser uma análise muito grande”, expôs.

Jaidy acrescentou que vai criar subprefeituras, sendo duas na Zona Norte. Ela enalteceu que a medida não representaria aumento de despesas, pois esses órgãos seriam resultado do desmembramento de pastas que existem hoje.

SEGURANÇA

Na área da segurança pública, Jaidy Oliver ressaltou que vai elevar o poder ostensivo da Guarda Municipal, aumentando o efetivo.

Além disso, ela revelou que a corporação terá uma mudança de postura em sua gestão, diminuindo a patrulha próximo a prédios públicos e focando em áreas como a orla marítima.

“Vamos investir uma parte da Guarda Municipal nas orlas, com vans móveis e monitoramento dentro de vans, e nos bairros periféricos. Pretendemos fazer, com parcerias público-privadas, o monitoramento de toda a Natal. É um investimento um pouco alto, mas com parceria, dá certo”, argumentou.

TRANSPORTE

A candidata do Democracia Cristã assegurou que fará uma licitação para o sistema de transporte público municipal e que exigirá das empresas vencedoras o cumprimento de cláusulas como melhor acessibilidade e mais veículos nas linhas, para diminuir a superlotação.

Ela falou que pode até abrir mão de itens como ar condicionado – algo que os vereadores aprovaram durante a discussão sobre o assunto – se isso representar um encarecimento da passagem, mas disse que não abre mão de ônibus mais novos e de mais veículos nas ruas para diminuir a quantidade de passageiros em cada trajeto.

“Vamos fazer uma licitação diferenciada, com um edital bem estudado, para que atinja todo o Brasil. E também um edital simpático, para quebrar o monopólio. Queremos ônibus de excelência, não ônibus quebrados, e que não aglomerem”, complementou.

A candidata disse que a passagem atual – de R$ 4,00 – já bancaria tudo isso, mas que, se for necessário, vai autorizar a concessão de subsídio para o setor. “Como não tem dinheiro suficiente para esses empresários? Mas, se não podem, a prefeitura vai ter que dar um jeito de absorver a metade, pelo menos. Não descarto, contanto que tenha resposta”, disse ela, que prometeu romper o contrato caso as empresas vencedoras da licitação descumpram as regras.

OUTRAS PROPOSTAS

Para ampliar os recursos próprios da prefeitura, Jaidy Oliver defende cobrar débitos que estão inscritos na dívida ativa, além de revisar despesas atuais com Previdência. No caso do gasto mensal com aposentadorias e pensões, que hoje é na casa dos R$ 15 milhões, ela disse que analisará “caso a caso” para tomar alguma providência em relação ao assunto.
Ela também prometeu, na entrevista, construir um hospital veterinário na Zona Norte de Natal e criar um programa que permita a jovens talentos do esporte fazer intercâmbio internacional.

SÉRIE DE ENTREVISTAS

Jaidy Oliver (Democracia Cristã) foi a 9ª convidada da série de entrevistas do Agora RN com os candidatos à Prefeitura do Natal. Todas as sabatinas estão disponíveis nas páginas do jornal no Facebook, Instagram e YouTube.
A série continua na próxima segunda-feira 9, com a participação do candidato Coronel Azevedo (PSC). A entrevista terá transmissão ao vivo nas redes sociais, a partir das 18h.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.