BUSCAR
BUSCAR
Crise sanitária
Hospital do Coração em Natal opera com 100% de ocupação dos leitos críticos Covid
Outros dois hospitais da capital do Rio Grande do Norte têm cerca de 80% da capacidade preenchida

01/03/2021 | 14:07

Os principais hospitais particulares de Natal estão operando com um média de 87,3% dos leitos destinados a Covid-19 ocupados. O levantamento feito pelo Agora RN, aponta que o cenário da rede privada da capital potiguar inicia o mês de março seguindo na mesma linha de lotação da rede pública, que chegou a 90% na Região Metropolitana na manhã desta segunda-feira 1º.

O Hospital do Coração, em Lagoa Nova, começou a semana operando com 100% das Unidades de Tratamente Intensiva ou Semi-intensiva (UTI) ocupadas. Por meio de nota oficial, o Hospital informou que desde o início de fevereiro essa procura está acima do comum, e que a taxa de 100% está se mantendo desde a semana passada.

Ainda segundo Hospital, só não há uma fila de espera para esses leitos porque os pacientes que precisam de internação estão sendo transferidos para outras instituições.

O Hospital da Unimed, também localizado no bairro Lagoa Nova, tinha até a manhã de hoje, 36 pacientes internados e dez leitos disponíveis, o que significa uma taxa de 78,2% de ocupação. Em toda a rede da Unimed, que conta com outros 6 pontos de atendimentos, são cerca de 139 pacientes internados, desses 49 estão na UTI.

Com o aumento da demanda, o hospital decidiu ampliar para 60 o número de leitos destinados a Covid-19, além de suspender as cirurgias eletivas pelos próximos 14 dias, mantendo apenas as as obstétricas e oncológicas.
No Sistema Hapvida no Rio Grande do Norte, no qual funciona o Hospital Antônio Prudente, a taxa atual de ocupação de leitos é de 84,1%.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.