BUSCAR
BUSCAR
Sem condições
Homem revela comer ração de cachorro por falta de alimento e amigo cria corrente do bem para ajudá-lo
O quarto onde dorme tem apenas uma pequena televisão onde acompanha o que acontece e assiste os jogos do Atlético, clube do coração
BHAZ
29/07/2021 | 17:02

A falta de ter o que comer fez com que, por muitas vezes, Jorge Gomes, 51, se alimentasse com ração de cachorro. O morador de Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte, conta com a solidariedade de todos em uma corrente do bem criada por um amigo. Um vídeo mostrando a situação de vulnerabilidade do local onde ele mora viralizou nas redes sociais e emocionou a todos.

As imagens foram gravadas por Cleison Borges de Souza, amigo de Jorge, na última terça-feira (27). Eles já se conheciam, pois trabalharam juntos. Na cidade da Grande BH, o rapaz ajuda em um projeto social que assiste famílias carentes e conta ao BHAZ como chegou até o conhecido que não via há três anos.

“Uma pessoa mandou um vídeo mostrando a situação dele e pedindo ajuda. Na hora reconheci que se tratava do Jorge e pensei em ajudá-lo. Ele sempre foi uma pessoa boa e nos alegrava no serviço”, conta. Cleison foi visitar o amigo e levou uma cesta básica, além de calçados. “Pedi autorização e ele permitiu que mostrasse a casa onde mora”.

As imagens mostram um lugar muito simples e com condições precárias. Ao ser perguntado sobre o que mais precisa, Jorge disse: “De um banheiro”. O quarto onde dorme tem apenas uma pequena televisão onde acompanha o que acontece e assiste os jogos do Atlético, clube do coração. Na geladeira, conforme ele mesmo disse e mostrou, só havia água.

Falta de alimento

Jorge estava desempregado há seis anos e as dificuldades financeiras fizeram com que ele não tivesse o que comer em muitas vezes. Quando isso acontecia, ele se alimentava com ração de cachorro. “Como ração pura. É de cachorro, mas serve pra mim também. Eu como qualquer coisa. Só não pode passar fome”, contou mostrando o balde.

“Quando ele me disse e mostrou que comia ração de cachorro, vi que a situação de vulnerabilidade era ainda maior. Confesso que pensei que ele estava brincando, mas disse que mistura ração com feijão para comer”, conta Cleison.

Uma cesta básica foi doada para Jorge no dia em que o vídeo foi gravado. Ele apareceu beijando os alimentos como forma de agradecer a ajuda recebida.

comida jorge
Jorge mostrando a situação enfrentada (Reprodução/@cleison.borges19/Instagram)

Corrente do bem

Uma rede de solidariedade se formou após a divulgação do vídeo com a situação de Jorge. A proposta é construir um banheiro e reformar a casa. As doações estão sendo concentradas na conta de Cleison, pois Jorge não possui conta bancária e não tem telefone.

“Não gosto de pegar dinheiro, mas como a ideia é construir o banheiro e reformar a casa, acabei disponibilizando meu PIX e telefone de contato. Como forma de prestação de conta, vou publicar tudo no Instagram. Já ganhamos geladeira, televisão, cama e um emprego para ele”, conta Cleison. A chave PIX para doação é o CPF de Cleison, 09184691638.

“Ele custou a acreditar quando contei para ele. Falei que a vida dele vai mudar. Ele é muito simples e humilde. Nem queria a cama dizendo que a dele estava boa, sendo que a realidade é outra”.

jorge e cleison
Corrente do bem foi criada para ajudar Jorge (

Ajude

Quem puder e quiser ajudar, basta entrar em contato com Cleison pelo (31) 9 9328-3193. “Tudo que é de coração é bem-vindo e eu aceito”, falou Jorge em um dos Stories do amigo.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.