BUSCAR
BUSCAR
Redução
Governo do RN reduz quantidade de refeições em restaurantes populares e é criticado por deputado
Quantidade diária de almoços e jantares deve cair de 8.300 para 4.870 por dia nos 16 restaurantes espalhados pelo estado
Redação
31/08/2021 | 12:26

A redução da quantidade de refeições oferecidas pelos chamados restaurantes populares foi o tema do pronunciamento do deputado estadual Galeno Torquato (PSD), na sessão plenária desta terça-feira 31 na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O parlamentar criticou a decisão do Executivo.

“Esse programa beneficia milhares de pessoas carentes oferecendo refeição de qualidade ao custo mínimo de R$ 1,00. Mas nós escutamos que a Secretaria de Assistência Social está cortando drasticamente essas refeições”, disse.

De acordo com Galeno, no município de São Miguel, por exemplo, são 500 refeições diárias oferecidas atualmente. Esse número será reduzido à metade. O deputado revelou ainda que já foi procurado por lideranças de várias cidades que tentam reverter a decisão de reduzir a oferta dos restaurantes populares.

“Sabemos que estamos em crise profunda, que afeta diretamente a economia das pessoas. Quem recebe Bolsa Família ou um salário mínimo, conta com essa refeição diária e essas pessoas já estão preocupadas”, relatou.

De acordo com o portal da 98 FM, a quantidade diária de almoços e jantares deve cair de 8.300 para 4.870 por dia nos 16 restaurantes espalhados pelo estado, a partir do próximo contrato. A queda exata será de 41%.

Em nota, a Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas) afirmou que a redução no número de refeições oferecidas no Restaurante Popular tem duas explicações: a queda na demanda pelos almoços e jantares e uma redução na verba do programa provocada por uma verba federal.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.