BUSCAR
BUSCAR
Entidade
Em demonstração de força de Amaro, Fiern aprova contas de 2019
Em nota depois da assembleia extraordinária, a Federação das Indústrias do RN atribuiu resultado aos “acertos da diretoria na condução da instituição, à confiança dos associados e à transparência da gestão”
Redação
17/10/2020 | 05:14

Com 27 votos a favor, quatro contra e três ausências, a Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern) aprovou nesta sexta-feira 16, em assembléia extraordinária, as contas da entidade referentes ao exercício de 2019.

Em meio a especulações de uma possível reação por parte do vice-presidente da entidade, Pedro terceiro de Melo, autor de uma ação que corre em sigilo na Justiça do Trabalho, questionando essas contas, o resultado final acabou sendo positivo para o presidente Amaro Sales, em seu terceiro mandato consecutivo.

Tanto que em nota, logo depois da assembleia, a Fiern atribuiu o resultado da reunião aos “acertos da diretoria na condução da instituição, à confiança dos associados e à transparência da gestão atual”.

Foi uma resposta às informações divulgadas por parte da imprensa de que a aprovação das contas da entidade poderia “feder”, numa alusão à oposição do vice de Amaro, Pedro Terceiro.

Pelo sim ou pelo não, o secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico, Silvio Torquato, que representa o Sindicato da Indústria de Sorvetes, Congelados e Derivados do Estado do Rio Grande do Norte junto ao conselho da Federação da Indústria, preferiu não comparecer, enviando seu suplente Antônio Leite Sales, o Toinho, da Ster Bom.

“Embora nada me impedisse legalmente de participar da assembleia, o fato de ocupar um cargo no governo estadual me sugeriu que não seria adequado participar com esse burburinho cercando a assembleia”, afirmou Torquato ao Agora RN.

A possibilidade de que a presença de um representante da administração estadual pudesse ensejar um pedido de impugnação da votação das contas da entidade fez com que não comparecesse, admitiu.

O Agora RN tentou sem sucesso contatar o vice-presidente da Fiern, Pedro Terceiro.

Segundo o blog do jornalista Gustavo Negreiros, que diz ter tido acesso ao processo movido na Justiça do Trabalho, Terceiro pede que sejam incluídos na prestação de contas gastos do cartão corporativo da entidade.

Também solicita esclarecimento sobre despesas em lojas de roupa e de uma viagem internacional de Amaro Sales em junho de 2019, ao 36º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA), em Colônia.

Aqui, o foco do questionamento de Pedro Terceiro seriam gastos de US$ 3.714,92 feitos em dois cartões corporativos da Fiern, que também teriam financiado outros gastos em viagens nacionais.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.