BUSCAR
BUSCAR
Informação e opinião
Confira a coluna “Nos Bastidores da Política” desta segunda-feira (8)
Redação
08/03/2021 | 08:05

Uma denúncia a cada 5 minutos

Os canais Disque 100 e Ligue 180 registraram 105.671 denúncias de violência contra a mulher em 2020. O número representa um registro a cada cinco minutos. O dado foi divulgado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos neste domingo (7). Segundo a pasta, 72% dessas denúncias foram de violência doméstica e familiar. Os outros 22% foram registros de violação de direitos civis e políticos, como tráfico de pessoas, cárcere privado e condição análoga à escravidão. O ministério informou que a maioria das vítimas são mulheres declaradas como pardas, de 35 a 39 anos, com renda de até 1 salário mínimo. O perfil mais comum dos suspeitos relatados nas denúncias é de homens brancos de 35 a 39 anos.

Mansão de Flávio

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), disse que a omissão de informações da escritura pública do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) é “condenável” e “muito ruim em termos de avanço cultural”. “É tudo muito ruim em termos de avanço cultural. A boa política pagou um preço incrível, abandonando a transparência e a publicidade. Algo condenável a todos”, afirmou Marco Aurélio Mello ao jornal O Estado de S. Paulo.

Mansão de Flávio I
Mesmo depois de comprar uma mansão de R$ 6 milhões em Brasília, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) ainda mantém um imóvel funcional disponibilizado pelo Congresso.

Mansão de Flávio II
Apesar de não estar, de fato, ocupando o apartamento, a prática é permitida pelo Senado Federal. Os congressistas em exercício têm o direito de escolher entre receber um auxílio-moradia no valor de R$ 5.500 ou fazer uso de um imóvel funcional. A regra não apresenta nenhum impedimento para o caso dos senadores que dispõem de imóveis próprios.

Mansão de Flávio III
“Os senadores, durante o período do mandato, fazem jus a um apartamento funcional, cuja entrega estará condicionada à disponibilidade de imóveis por parte do Senado, bem como à prévia assinatura de termo de ocupação de imóvel”, diz o Senado.

Justiça
O policial militar Pedro Inácio Araújo de Maria, acusado de estuprar e matar a estudante universitária Zaira Dantas Silveira Cruz, 22, durante o Carnaval em Caicó no ano de 2019, irá a júri popular na comarca. A decisão, do juiz Luiz Cândido Villaça, da 3ª Vara de Caicó, fará com que Pedro Inácio seja julgado por homicídio triplamente qualificado, com uso de asfixia, para assegurar a ocultação de outro delito e feminicídio. O magistrado também manteve a prisão preventiva do réu.

Em Israel, não
Virou meme nas redes sociais neste fim de semana a diferença com que a comitiva brasileira que foi a Israel liderada pelo chanceler Ernesto Araújo deixou o Brasil e como chegou ao destino. Antes, sem máscara de proteção e depois com máscara. Todos os 10 membros da comitiva, entre eles um dos filhos do presidente, foram obrigados a adotar a medida de proteção contra a Covid-19. Araújo chegou a ser alertado pela chancelaria israelense para que pusesse a proteção, ao ser chamado para posar para uma foto com o chanceler israelense, Gabi Ashkenazi.

Verde-olivação I
O presidente Bolsonaro, que acusava o PT de aparelhar a máquina estatal, multiplicou por 10 o número de militares no governo. Contando com novo presidente da Petrobras, serão 92 cargos de chefia nas mãos das Forças Armadas. Eram nove no fim do governo Temer. Levantamento do TCU mostra, ainda, que cresceu 34,5% a presença de militares em cargos comissionados.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.