BUSCAR
BUSCAR
Mundo
Com política de “segurança de menores”, TikTok remove 20 milhões de contas suspeitas
4,8 milhões dos usuários removidos eram do Brasil, a empresa explica a razão para a remoção do conteúdo apenas a nível global.
Redação
30/06/2022 | 17:54

Diante da política de “segurança de menores”, o TikTok removeu 20,2 milhões de contas suspeitas de serem administradas por menores de 13 anos. Desde que o relatório das diretrizes da comunidade começou a ser divulgado, em 2020, esse é o maior número de remoções.

Segundo a empresa, os perfis e vídeos dessas contas participam, principalmente, da categoria de conteúdos que exploram nudez e atividade sexual envolvendo menores, “atividades prejudiciais”, danos físicos e psicológicos, exploração sexual e comportamento de aliciamento.

Desses, 4,8 milhões são usuários do Brasil. Conteúdos como dança sexualmente explícita e menores com roupas mínimas são alguns dos comportamentos dessas contas que ferem a política da empresa em relação aos seus usuários, segundo o aplicativo.

Além disso, houveram mais 3,3 milhões de remoções por outros motivos, como “segurança de menores” (41,7%), “atividades ilegais e mercadorias regulamentadas” (21,8%), “nudez de adultos e atividades sexuais” (11,3%), “conteúdo violento e explícito” (9,6%), “autolesão e atos perigosos” (6,7%) e “assédio e bullying” (6)%.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.