BUSCAR
BUSCAR
Economia
Com apuração nas eleições dos EUA, mercados internacionais têm manhã de instabilidade
Depois de abrirem em baixa após a 'onda azul' não se materializar nas eleições dos Estados Unidos, ao menos nesta madrugada, os mercados acionários europeus operam sem rumo único
Estadão
04/11/2020 | 08:06

As bolsas da Ásia fecharam majoritariamente em alta nesta quarta-feira, 4, com investidores acompanhando de perto a eleição presidencial nos Estados Unidos, que está mais acirrada do que se previa.

A apuração dos votos nos EUA mostra uma disputa mais apertada do que se esperava entre o presidente Donald Trump e seu oponente democrata, Joe Biden. Antes da eleição, as últimas pesquisas indicavam favoritismo de Biden. Quando a maioria das Bolsas asiáticas já havia encerrado os negócios, Trump declarou vitória em discurso e disse que vai à Suprema Corte do país para contestar o que chamou de “fraude enorme” na eleição presidencial.

Bolsas da Ásia

O índice acionário japonês Nikkei subiu 1,72% em Tóquio, a 23.695,23 pontos, atingindo o maior nível em nove meses, após não operar na terça-feira, 3, devido a um feriado nacional. Na China continental, o Xangai Composto teve modesto ganho de 0,19%, a 3.277,44 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 0,31%, a 2.262,14 pontos. Em outras partes da Ásia, o sul-coreano Kospi se valorizou 0,60% em Seul, a 2.357,32 pontos, e o Taiex registrou alta de 1,04% em Taiwan, a 12.867,90 pontos.

Já o Hang Seng caiu 0,21% em Hong Kong, a 24.886,14 pontos, à medida que a ação do gigante varejista Alibaba sofreu um tombo de 7,54%, o maior desde que foi listada localmente, no fim de 2019. Na terça, a oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) de ações do Ant Group, a fintech do Alibaba, foi suspensa.

Na Oceania, a Bolsa australiana terminou o dia em baixa marginal, após um pregão volátil. O S&P/ASX 200 recuou 0,07% em Sydney, a 6.062,10 pontos.

Bolsas da Europa

Depois de abrirem em baixa após a ‘onda azul’ não se materializar nas eleições dos Estados Unidos, ao menos nesta madrugada, os mercados acionários europeus operam sem rumo único. As atenções estão voltadas para a contagem de votos na corrida pela Casa Branca, cada vez mais acirrada e que, por ora, deixa o resultado incerto. Em paralelo, os mercados acompanham a divulgação de dados do setor de serviços na zona do euro, com a preocupação sobre a dinâmica da pandemia por lá.

Às 7h28, no horário de Brasília, o índice pan-europeu Stoxx-600 tinha elevação de 0,11%, aos 356,42 pontos.

Ao redor do globo, os investidores estão concentrados no voto a voto nas eleições dos EUA. A disputa pela Casa Branca está apertada e não se sabe, até o momento, quem a levará a melhor. O democrata Joe Biden tem 238 votos no colégio eleitoral enquanto o presidente Donald Trump tem 213. São necessários 270. Nas eleições de 2016, Trump teve 304 votos no colégio eleitoral.

Já o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da zona do euro veio em linha. Subiu 0,3% em setembro ante agosto, segundo dados publicados pela Eurostat.

Nas praças acionárias do Velho Continente, as bolsas operavam sem direção única. Também às 7h28, em Londres, o índice FTSE 100 tinha alta de 0,07%, e o CAC 40, de Paris, de 0,11%, mas o DAX, de Frankfurt, caía 0,21%. No mesmo horário, o FTSE MIB, de Milão, apresentava queda de 0,20%, o IBEX 35, de Madri, baixava 1,25% e o PSI 20, de Lisboa, registrava desvalorização de 1,60%.

Petróleo

Os contratos futuros do petróleo aceleraram os ganhos e sobem cerca de 2% nesta manhã, ampliando a recuperação após serem brevemente pressionados por um discurso do presidente dos EUA, Donald Trump, reagindo à última pesquisa do American Petroleum Institute (API), que mostrou queda de 8 milhões no volume de petróleo bruto estocado nos EUA na semana passada. Mais tarde, o Departamento de Energia (DoE) publica o levantamento oficial sobre estoques americanos, que incluem números sobre produção. Às 7h15 (de Brasília), o barril do petróleo WTI para dezembro subia 2,15% na Nymex, a US$ 38,47, enquanto o do Brent para janeiro avançava 1,99% na ICE, a US$ 40,50.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.