BUSCAR
BUSCAR
Rodrigo Ferreira
Cinco décadas depois, Jorginho recebe homenagem à altura de seu talento
Confira a coluna de Rodrigo Ferreira desta quinta-feira 2
Rodrigo Ferreira
02/09/2021 | 08:18

Será lançado hoje, a partir das 17h30, na AFURN Centro Clínico (situada à Rua das Violetas, 628 B, Conjunto Mirassol, em Natal), o livro “Jorginho Tavares, o Professor de Bola”, que retrata a vida e a carreira do maior ídolo da história do ABC Futebol Clube. Jorginho, que durante 20 anos vestiu a camisa Alvinegra, ganha agora, mais de cinco décadas depois de parar de jogar futebol, uma homenagem digna de sua genialidade dentro de campo. Tive a honra de escrever este livro em parceria com o filho do craque (que herda o nome do pai). Um material histórico, cujos dados eram guardados a sete chaves há 23 anos e, finalmente, ganhará o mundo para que todos conheçam de perto o grande profissional que foi Jorginho.

Soberano
Apesar de ter jogado futebol profissionalmente nas distantes décadas de 40, 50 e 60, Jorginho é detentor de recordes que até hoje não foram batidos (e dificilmente serão no futuro). Ele é o atleta que mais vezes vestiu a camisa do ABC (502 jogos) e também o que mais marcou gols atuando pelo clube (219). Como diferencial, carregou até o fim da sua vida a marca de jamais ter defendido o rival maior.

Inigualável
Além de ser um ícone da história abecedista, Jorginho também carrega a empatia de torcedores adversários por ter marcado época vestindo a camisa da Seleção do RN nos campeonatos nacionais daquele tempo. Pelo selecionado potiguar, acumulou 32 jogos e 16 gols, além de ter sido fundamental no pouco lembrado, mas importantíssimo, título simbólico do Norte-Nordeste de seleções em 1959.

Experiente
E nem só de Rio Grande do Norte viveu Jorginho em seus tempos áureos jogando futebol. O craque também passou por Maranhão e Pernambuco ao longo de sua trajetória. No Sampaio Corrêa, travou jogos emblemáticos contra o Moto Club de seu irmão e também atleta Tidão. No Auto Esporte-PE, foi o causador de muitas dores de cabeça para os grandes clubes de Recife. Um fenômeno.

Batalhador
Além de um notável futebolista, Jorginho também foi uma figura humana exemplar. Quando pendurou as chuteiras, trabalhou por mais algumas décadas na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, cuja atuação é lembrada até hoje por quem teve a honra de conviver. A pé, de bike ou de motocicleta, era ele o responsável pela movimentação de muitos documentos na UFRN.

Compareça
No mais, esperamos contar (eu e Jorge Filho) com as honrosas presenças dos leitores da coluna no evento de lançamento que acontecerá logo mais em Natal. Na impossibilidade, a pré-venda online segue aberta até às 15h de hoje. Basta acessar www.edprimeirolugar.com.br/jorginho e garantir o seu exemplar. E, olha: é melhor fazer isso logo, pois 50% do estoque já está comprometido.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.