BUSCAR
BUSCAR
Quinta-feira
Cantor e compositor potiguar Pedro Neto lança disco e clipe “Samba da brevidade”
Álbum faz referência a lugares de Natal e personalidades do samba e conta com a participação de Eliane Faria (filha de Paulinho da Viola), Mestre Zorro, Andiara Freitas e Clube do Samba Potiguar
Redação
31/08/2021 | 12:45

O cantor e compositor Pedro Neto lança nesta quinta-feira 2, às 20h, em todas as plataformas de streaming o seu primeiro disco “Samba da brevidade”. O trabalho foi gravado em Natal/RN com recursos da Lei Aldir Blanc, Fundação José Augusto, Governo do RN, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal; e é resultado de um longo processo de amadurecimento musical, poético e estético de Pedro Neto que, como ele mesmo diz…”Está na mocidade da terceira idade…”. O pré-save está disponível no link.

O disco é um mergulho no universo sonoro, poético e filosófico do samba, que vai do partido-alto, o samba de terreiro, o samba crônica, a bossa nova e ao samba com pitadas de jazz e é recheado de referências, como ao Beco da Lama, na faixa “Ode ao Beco” onde expressa-se bem a vida boêmia desse reduto de Natal.

Na faixa que nomeia o disco, o “Samba da Brevidade” Pedro, se declara com emotividade e sensibilidade ao seu bairro Ponta Negra, e parafraseando o bardo Bandeira, a chama de sua Pasárgada, aí ele expressa todo o seu lirismo e ao mesmo tempo filosofa sobre a brevidade da vida (inspirado pelos grandes filósofos), e diz viver pelas madrugadas, já que é um boêmio e noctívago por excelência. Assista ao teaser aqui.

Há também outras referências importantes; como ao mestre João Gilberto, onde se faz evidente todo o legado que com este aprendeu, na faixa “Nostalgia”. Em “Zé Kétiana” encontramos uma bonita homenagem ao Zé Kéti, no ensejo do seu centenário, agora dia 16 de setembro e numa outra faixa reverencia o genial sambista das coisas do mundo, o Paulinho da Viola, no “Partido da Delicadeza”, ficando claro aqui, toda a influência que tem da sua obra sambística.

“O Partido da Delicadeza foi feito em parceria com a também sambista e cantora Eliane Faria, que participa com a mesma elegância herdada do pai, cantando”, explica Pedro Neto. Já, em “Cabrochinha Formosa” há a participação da cantora e produtora Andiara Freitas (que com maestria assina a produção executiva do disco e também assina o roteiro do clipe “Samba da brevidade”), uma bossa nova cheia de leveza e um romantismo à moda antiga.

Em “Partido do Tempo” temos a presença de Zorro, um dos grandes representantes do samba das Rocas, tida como o berço do samba em Natal. No “Partido do Clube” samba feito para o Clube do Samba Potiguar, do qual faz parte, a gravação teve a participação de vários outros componentes do projeto.

Em “Me diz meu amor…” vemos o cronista antenado com o seu tempo, uma síntese sobre o contexto da pandemia, pois o artista além de um poeta antenado, também tem como formação a sociologia e antropologia, e como ele diz, é um aprendiz e fazedor da filosofia do dia a dia, pois o samba é filosofia, assim nos ensinou Noel.

Por último no samba “Filosofia”, ele usando da metalinguagem fala com propriedade da sua relação, vivência e o seu amor pelo samba.

Serviço

Pedro Neto – Lançamento do disco e clipe “Samba da brevidade”
Quando: Quinta-feira, 02 de setembro, às 20h
Streamings e clipe.
Saiba mais no Instagram.

FICHA TÉCNICA

Músicas:

1 Samba da brevidade – Pedro Neto (Pedro Neto)
2 Cabrochinha formosa – Pedro Neto feat Andiara Freitas (Pedro Neto)
3 Filosofia – Pedro Neto (Pedro Neto)
4 Partido da delicadeza – Pedro Neto feat Eliana Faria (Pedro Neto e Eliana Faria)
5 Nostalgia – Pedro Neto (Pedro Neto)
6 Partido do tempo – Pedro Neto feat Zorro – (Pedro Neto)
7 Ode ao beco – Pedro Neto (Pedro Neto)
8 Zé-Ketiana – Pedro Neto (Pedro Neto)
9 Partido do Clube – Clube do Samba Potiguar (Pedro Neto)
10 Me diz meu amor – Pedro Neto (Pedro Neto)

Produção musical e direção geral: Pedro Neto

Músicos: Airton Guimarães (baixo nas faixas Samba da brevidade e Nostalgia), Alexandre Moreira (violões e cavaco na faixa Partido do Clube), Anchieta Menezes (violão na faixa Partido da Delicadeza), Anderson Pessoa (sax na faixa Samba da brevidade), Camilo Lemos (violão de 7 cordas), Denise do Nascimento (pandeiro na faixa Partido do Clube), Edmundo Souza (percussão na faixa Partido do Clube), Emerson Oliveira (piano na faixa Samba da brevidade e Nostalgia), Jonathas Marques (clarinete), Pedro Neto (violão e cavaco), Toninho Melé (percussão), Zé Marcos (piano na faixa Ode ao Beco)

Gravado nos estúdios Rêverie e Zam entre março e junho de 2021

Técnicos de gravação e mixagem: Sérgio Faria s e Zé Marcos

Produção executiva, identidade visual, assessoria de imprensa, roteiro, imagens e edição do clipe: Bossa Nova Marketing – Andiara Freitas

Patrocínio para gravação do áudio: Lei Aldir Blanc, Fundação José Augusto, Governo do RN, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.