BUSCAR
BUSCAR
Xadrez
Polícia Civil prende homem por tentativa de feminicídio em Nova Cruz
Vítima informou também que estava sendo alvo de um relacionamento abusivo em que sofria violência física, moral e psicológica constantemente
Redação
28/06/2019 | 14:54

Equipe de policiais civis da 6ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Nova Cruz prenderam em flagrante, nesta sexta-feira, 28, Leidionildo Gomes de Melo, conhecido por “Nildinho”, pela prática do crime de tentativa de feminicídio contra sua companheira. Ele havia ameaçado a companheira e tomado seu aparelho celular, para que ela não realizasse a denúncia dos crimes e abusos sofridos.

A prisão aconteceu no bairro do Centro, no município de Nova Cruz. A vítima informou também que estava sendo alvo de um relacionamento abusivo em que sofria violência física, moral e psicológica constantemente por parte de seu companheiro “Nildinho”. Logo após a prisão, foi descoberto que a mulher foi vítima de uma tentativa de feminicídio praticada por “Nildinho” no dia 14 de abril deste ano, ocasião em que o companheiro agressor desferiu golpes de faca peixeira lesionando-a gravemente.

No dia do crime, ela foi socorrida no Hospital de Nova Cruz, mas devido à gravidade dos ferimentos, foi transferida para o Hospital Walfredo Gurgel na capital Potiguar.

Inicialmente, a vítima não havia denunciado o companheiro, inclusive no episódio que sofreu uma tentativa de feminicídio, no mês de abril do ano corrente e, ao ser questionada pelos médicos acerca do ocorrido, informou que as lesões eram decorrentes de um acidente doméstico.

Leidionildo Gomes, “Nildinho”, foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede ajuda à população enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.