BUSCAR
BUSCAR
Apostas
Reino Unido visa tornar mais seguras as apostas online
Um fator determinante do crescimento do mercado de apostas esportivas online é a possibilidade ganhar dinheiro dependendo apenas da capacidade de combinar sorte com o conhecimento do cenário esportivo em que se apostará
Redação
09/04/2018 | 16:29

Hoje em dia, é cada vez maior o número de pessoas que gostam de apostas esportivas online. Uma tendência que cresce a cada ano em todo o mundo estimulada tanto pela paixão por esportes como futebol, basquete e MMA (Artes Marciais Mistas), entre muitos outros, quanto pela rapidez com que a internet tem levado esta modalidade de diversão virtual a novos mercados.

Além da diversão, outro fator determinante do crescimento do mercado de apostas esportivas online é a possibilidade ganhar dinheiro dependendo apenas da capacidade de combinar sorte com o conhecimento do cenário esportivo em que se apostará.

As apostas esportivas no Reino Unido

Atualmente, a Grã-Bretanha é o maior mercado de apostas esportivas online do mundo e, uma das principais razões para este fenômeno é a proposta contínua de desenvolver um mercado justo e seguro para cada apostador.

A atividade de apostas esportivas no Reino Unido conta com uma legislação que visa garantir os interesses de apostadores por meio da lisura e transparência das operações e, ao mesmo tempo, regular de forma rigorosa cada uma das operadoras a fim de proteger as crianças e diminuir os riscos para os consumidores vulneráveis

O mercado de apostas esportivas está subordinado ao Ministério de Esportes. Há um grande empenho da pasta para garantir que a crescente indústria de apostas online seja segura e sustentável. Sob a clareza destes intentos, há a preocupação de manter as leis e os regulamentos adicionais atualizados para promover os controles necessários para garantir a sustentabilidade de um mercado que movimenta bilhões, anualmente

Estima-se que haja cerca de nove milhões de apostadores virtuais no Reino Unido. Em meio à vasta regulamentação nacional da operação de apostas, há normas inovadoras que têm tornado cada vez mais segura a rica indústria de apostas esportivas. São exemplos: A proibição do fornecimento de jogos para demonstração aos menores de idade; O dever de implementar meios sistêmicos para aumentar a velocidade e a eficiência da verificação de idade dos apostadores; A definição rigorosa de limites de gastos com apostas até que a idade do apostador seja verificada, evitando, assim, a participação de menores de idade; Combater o marketing e a publicidade inaceitáveis, cláusulas abusivas e melhorar os procedimentos de reclamações e litígios; Reforçar a interação com apostadores que possam estar desenvolvendo problemas com o jogo.

A indústria brasileira de apostas esportivas

Estima-se que o mercado de apostas esportivas no Brasil movimente, anualmente, pelo menos, 9 bilhões de reais. Se a legislação pátria permitir a reformulação de seus critérios sobre as apostas esportivas, como tem feito o Reino Unido, de forma a legalizá-la em território brasileiro, além de validar a movimentação do grande volume apostado por brasileiros em sites estrangeiros, traria incentivos ao mundo esportivo, investimentos em marketing esportivo, geração de empregos e aumento de arrecadação de impostos federais.

Mas, enquanto isso não acontece, divirta-se no BetMais, um portal de apostas reais em todos os tipos de jogos e atividades esportivas. Através do BetMais é possível apostar em eventos esportivos futuros (sport betting) de inúmeras modalidades, como partidas de futebol, basquete, combates do UFC (Ultimate Fighting Championship) e, até mesmo, em games como League of Legends.

Agência Estado

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.