BUSCAR
BUSCAR
Remanejamento
Sesap discute com Hospital Onofre Lopes a distribuição de pacientes do Ruy Pereira
Projeto da Secretaria de Saúde é finalizar as atividades do hospital estadual até o fim do ano
Redação
24/10/2019 | 02:00

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) espera fechar parceria com o Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) para definir a distribuição de leitos do Hospital Doutor Ruy Pereira dos Santos, localizado em Petrópolis, na Zona Leste de Natal, que pode encerrar as atividades até o fim deste ano.

A unidade hospitalar universitária, que é vinculada à Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), pede informações sobre a quantidade de vagas e de servidores que serão designados para o atendimento de pacientes acometidos com doenças vasculares. A direção da unidade pode ceder até 25 leitos, mas aguarda que o governo estadual forneça servidores para receber a nova demanda de pacientes.

O acordo é essencial para que se conclua o Plano de Realocação de Pacientes do Hospital Ruy Pereira. O documento é exigido, por sinal, pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), que ingressou com ação na Justiça para que o governo estadual mantenha os serviços do Ruy Pereira.

Em decisão do dia 10 outubro, o juiz Eduardo Pinheiro, da 2ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal, apontou que a Sesap não apresentou medidas administrativas que justifiquem o encerramento do hospital estadual e, por conseguinte, o acolhimento dos pacientes em outras unidades de saúde.

Com o projeto de distribuição de vagas, a Sesap espera obter a anuência para fechar o Ruy Pereira. O imóvel apresenta falhas graves estruturais, segundo informações do Conselho Estadual de Saúde. Especializado em tratamento vascular, visto como referência para o serviço clínica médica para casos graves de diabetes, o hospital tem 81 leitos.

O projeto da Sesap é finalizar as atividades do hospital estadual até o fim do ano. A previsão é de que os pacientes sejam transferidos para o Hospital Coronel Pedro Germano e para o Hospital Universitário Onofre Lopes.

Na unidade vinculada à Polícia Militar, serão disponibilizados 60 leitos. Para o hospital federal, a direção do Onofre Lopes informou que pode disponibilizar entre 25 e 30 leitos. No entanto, a unidade espera que o governo estadual possa ceder servidores para o atendimento hospitalar. O hospital universitário não tem especialistas em doenças vasculares para atender a nova demanda.

Segundo a Sesap, um grupo de trabalho foi criado para discutir o plano assistencial para incremento da unidade na linha de assistência vascular. Não foi divulgado prazos para término do estudo.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.