BUSCAR
BUSCAR
Futebol
Gol de placa
ABC e América firmaram acordo para dividir a renda das transmissões das partidas com os clubes menores que disputam a primeira divisão do Campeonato Potiguar deste ano
Júnior Lins
30/07/2020 | 01:17

ABC e América firmaram um acordo para dividir a renda de suas transmissões com os clubes menores do Rio Grande do Norte, que disputam a primeira divisão do Campeonato Potiguar. A medida foi estabelecida na reunião que aconteceu nesta terça-feira (28), na sede da Federação Norte-Riograndense de Futebol (FNF), com os representantes dos oito clubes da elite do Estadual.

Os dois clubes resolveram apostar na nova plataforma para transmissões dos jogos, que terá como mediadora a FNF. Com a nova Medida Provisória, que permite ao clube o direito de transmitir todos os jogos em que for mandante, o alvinegro e o alvirrubro poderiam utilizar de suas redes para exibir seus confrontos.

O acordo ficou estabelecido como um “fundo estadual”, que dividirá os recursos recebidos entre todos os clubes. O dinheiro arrecadado será repartido em nove partes entre os clubes e a federação.

A criação deste fundo servirá de apoio para os menores, pois em caso de uma eventual final entre ABC e América, todos os outros times teriam parte do lucro do clássico, mesmo já eliminados da competição. A validade do acordo é até a final do Estadual deste ano e servirá como teste para possíveis contratos futuros nesta maneira de negociação em bloco.

O presidente da Federação, José Vanildo, comemorou o resultado da reunião e demonstrou contentamento com o interesse dos dois maiores clubes do RN em apostar na nova iniciativa econômica proposta pela FNF.

“Reunião concluída com a união de todos os filiados, especialmente América e ABC viabilizando a retomada do Campeonato com amplas possibilidades de sucesso econômico e democratização do rateio financeiro dos jogos. Conta única e gestão coletiva”, celebrou.

Segundo o presidente do América, Leonardo Bezerra, a atitude foi tomada em prol das finanças do alvirrubro, que o preocupam devido a pausa de quatro meses ocasionada pela pandemia do coronavírus. Para Leonardo, será bem mais rentável essa forma de transmissão, do que alguma iniciativa individual do time americano.

“Nunca prometi agradar a todos e sim dar o meu melhor ao América. Ser gestor não dá o direito de agir com rancor ou emoção, mas somente pela razão. As contas não vão fechar. Estiaram o ano em mais quatro meses além do nosso orçamento. Temos dois mandos de campo. Vamos dizer que venderíamos 1 mil acessos em cada um desses jogos a um preço fictício de R$ 10. Nós arrecadaríamos R$ 20 mil. O custo da transmissão, junto da plataforma seria de R$ 15 mil para os dois jogos. Teríamos que batalhar muito para não ter prejuízo”, publicou em suas redes sociais.

As transmissões serão realizadas por uma nova plataforma de stream. Os clubes irão estabelecer valores para os acessos aos jogos e sócios-torcedores de América e ABC ficaram isentos desta taxa. Duas partidas testes serão realizadas antes da retomada do Estadual, um amistoso do América e um do ABC serão transmitidos para avaliar o funcionamento do meio. Todos os clubes terão com um canal próprio, dentro da plataforma.

As datas para o reinício do Campeonato Potiguar já foram definidas. América e Globo FC serão os protagonistas da partida que marca a volta da competição. O jogo acontecerá no dia 10 de agosto, na Arena das Dunas, às 20h15, já com transmissão. Já o ABC só retorna aos gramados pelo Estadual no dia 12. O alvinegro encara o Santa Cruz, também na Arena das Dunas às 20h15.

Confira a tabela de retorno

10/08 AMÉRICA X GLOBO – ARENA DAS DUNAS – 20H15

12/08 PALMEIRA X POTIGUAR – NAZARENÃO – 15H30

12/08 SANTA CRUZ X ABC – ARENA DAS DUNAS – 20H15

13/08 FORÇA E LUZ X ASSU – FRASQUEIRÃO – 15H30

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.