BUSCAR
BUSCAR
Coluna do Agora
Zenaide Maia ‘rema contra a maré’, mas se fortalece para 2018
Confira os destaques da Coluna do Agora, publicada na edição desta terça-feira, dia 9 de maio de 2017, do Agora Jornal
Tiago Rebolo
10/05/2017 | 06:00

Única potiguar a votar contra a admissibilidade do processo de impeachment contra a presidente cassada Dilma Rousseff (PT), a deputada federal Zenaide Maia (PR) vem ganhando destaque no cenário político local desde então. Com um mandato ligado a bandeiras de movimentos de esquerda, a parlamentar vem abocanhando apoio em uma porção significativa do eleitorado: a que se sente órfã de representantes após a derrocada do PT. Se por um lado ela perde apoio dos apoiadores de uma agenda mais neoliberal, por outro, a são-gonçalense se consolida como o nome da esquerda e busca viabilizar seu nome para, quem sabe, ter chances em uma disputa majoritária. Pelos seus posicionamentos muitas vezes solitários – como na votação contra o impeachment, contra a PEC 241, contra a terceirização ou contra as reformas –, Zenaide tem remado contra a maré. Para, quem sabe assim, chegar em 2018 na crista da onda.

>> Sucinta. A deputada tem evitado falar sobre o pleito de 2018 e as inúmeras hipóteses de alianças levantadas por analistas políticos. Em entrevistas e conversas com eleitores, Zenaide tem dito que prefere se preocupar no momento com a intensa agenda do Congresso. Perguntada insistentemente, contudo, sobre a possibilidade de se candidatar ao Senado, ela acabou entregando: “Tem chance sim”.

>> Debate. A Câmara Municipal de Parnamirim debateu nesta segunda-feira 9 o impacto no município das reformas na Previdência e na legislação trabalhista, caso as duas medidas passem no Congresso Nacional. De proposição dos vereadores Ítalo Siqueira (PSD), Nilda Cruz (PRP) e Vandilma Oliveira (PMDB), a audiência pública contou com participação dos deputados Jacó Jácome (PSD) e Fernando Mineiro (PT), representando a Assembleia Legislativa, e também dos federais Antônio Jácome (PTN) e da já citada Zenaide Maia (PR).

>> Repúdio. No evento, ficou informalmente acertado que o Poder Legislativo municipal vai enviar uma moção de repúdio aos dois projetos. A apresentação (e possível votação) do dispositivo será na sessão desta terça-feira 10.

>> Cadê? Era um só o comentário (e a insatisfação) nos bastidores da audiência pública: a ausência do deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD). Em uma indireta, o presidente da Casa, Irani Guedes (PRB), soltou: “Parnamirim está vendo quem está com o povo. Quando chegar na campanha, virá um monte de candidatos pedir voto… Parnamirim merece respeito todos os dias”. Outro vereador também lamentou a desfeita de Carlos Augusto e registrou que o parlamentar estadual está afastado do município. “Isso demonstra fraqueza política”, disparou.

>> Protesto. Estudantes secundaristas organizam para a próxima quinta-feira 11 uma nova edição da Revolta do Busão, uma manifestação contra o aumento na tarifa do transporte público, que aumentou para R$ 3,35 no início do mês. O ato, convocado pela UMES, vai ter concentração na Praça Pedro Velho, em Petrópolis, a partir das 14h.

>> Na Trilha da Democracia. O auditório da Reitoria da UFRN recebe na sexta-feira 12, a partir das 19h, a sétima edição do projeto Na Trilha da Democracia, organizado pelo ADURN-Sindicato em parceria com o Sindipetro/RN e a Frente Brasil Popular. O convidado desta vez será o jornalista Luis Nassif, do Portal GGN, que comandará a palestra “Democracia em risco”. O evento será aberto ao público e gratuito.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.