BUSCAR
BUSCAR
Wilma vê “cenário possível” para 2014 com Robinson para o governo e Fátima para o Senado

31/05/2012 | 21:29

Na condição de coordenadora da oposição no Rio Grande do Norte, função que chamou para si após renunciar à disputa pelo cargo de prefeita de Natal nas eleições deste ano, a presidente do diretório estadual do PSB, ex-governadora Wilma de Faria, considera um “cenário possível” para 2014 a oposição apresentar uma chapa que tenha o vice-governador Robinson Faria (PSD) candidato ao governo e a deputada federal Fátima Bezerra (PT) candidata ao Senado.

Em entrevista ao “Repórter 98”, programa jornalístico da FM 98, na noite desta quinta-feira, a ex-governadora declarou que em 2014 disputará o cargo de deputada federal. “Quando a gente perde uma eleição tem que fazer um reinício. A gente tem que ter autocrítica e capacidade de recuperação para encontrar o caminho. E o caminho a gente só encontra ouvindo a população”, disse Wilma, ao justificar a opção pela disputa pela Câmara dos Deputados.

Indagada a respeito do que acha do cenário em que Robinson disputaria o governo e Fátima o Senado, Wilma declarou: “Acho um cenário possível. Não é impossível. Hoje é um cenário favorável”. Contudo, a ex-governadora ponderou que política é muito dinâmica e que é preciso sempre fazer reavaliações. “A gente não sabe o amanhã. Em política, é preciso sempre fazer reavaliações”, declarou a pessebista.

PESQUISAS

Wilma disse que pesquisas estão sendo feitas para as eleições municipais e nessas sondagens também são feitos levantamentos de intenção de voto para o governo e Senado. Neste contexto, de acordo com a ex-governadora, os pesquisadores apontam um quadro positivo para ela. “Eles falam que meus adversários, que venceram de mim no passado, para o governo também. É uma coisa que se fala”.

Ao avaliar os senadores do RN, Wilma criticou José Agripino Maia, presidente nacional e estadual do DEM, por fazer oposição sistemática ao governo federal e por não enxergar as boas iniciativas deste mesmo governo. Segundo a ex-governadora, tanto Lula quanto Dilma têm feito o País crescer, melhorando os indicadores sociais, diminuindo as desigualdades, aumentando a classe média e reduzindo os que pertencem às classes D e E.

“Dilma está bem avaliada pela opinião pública do Brasil, mas eles não enxergam. Acho que isso é um ponto negativo porque precisamos avaliar e colaborar para o nosso Estado. Hoje sou oposição, mas saberei reconhecer o que há de positivo. Mas, infelizmente o que vi até agora é que as coisas não funcionam. O que existia acabou e não há nada de novo sendo apresentado”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.