BUSCAR
BUSCAR
Sputnik V
Vacinação na Argentina começará às 9h da terça-feira, diz presidente Fernández
Imunizante a ser aplicado será a vacina Sputnik V, desenvolvida pelo instituto russo Gamaleya
Estadão
27/12/2020 | 10:54

O presidente argentino Alberto Fernández anunciou pelo Twitter, que a campanha de vacinação contra o novo coronavírus começará na terça-feira 29 no país, a partir das 9h da manhã, horário de Brasília, simultaneamente em todas as províncias.

O imunizante a ser aplicado será a vacina Sputnik V, desenvolvida pelo instituto russo Gamaleya. A Argentina, ao lado do Chile, está entre os primeiros países da América do Sul a iniciar a vacinação de seus cidadãos contra a covid-19.

Na sexta-feira 25, o governo da Argentina havia anunciado que cidadãos de nações limítrofes – incluindo o Brasil – não poderiam retornar ao país até o dia 8 de janeiro, quando serão revistas as regras.

“Seguimos trabalhando unidos, porque nossa única preocupação é a saúde dos argentinos e argentinas”, disse Fernández pelo Twitter

Fóssil descoberto por criança de 11 anos é do maior réptil marinho conhecido
Pesquisadores acreditam que a criatura, chamada Ichthyotitan severnensis, tinha mais de 25 metros de comprimento
18/04/2024 às 11:48
Indonésia emite alerta de tsunami após erupção de vulcão que pode desabar no mar
O Monte Ruang, de 725 metros de altitude, entrou em erupção pelo menos cinco vezes desde terça-feira, expelindo lava e nuvens de cinzas a milhares de metros de altura, segundo agência de vulcanologia
18/04/2024 às 11:36
Saiba qual foi o papel dos Estados Unidos no golpe de 1964 no Brasil
Para historiadora, houve "contribuição efetiva" norte-americana
15/04/2024 às 07:25
Milei oferece apoio a Musk após acusações e tensões com o STF
O presidente da Argentina, radical da extrema-direita, e o empresário defenderam a liberalização de mercados e a liberdade de expressão sem limites
12/04/2024 às 18:34
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.