BUSCAR
BUSCAR
Economia

Taxa de desemprego fica em 7,5%, a menor para o trimestre desde 2014

Contingente com carteira assinada é o maior já registrado
Agência Brasil
29/05/2024 | 10:37

A taxa de desemprego no trimestre encerrado em abril ficou em 7,5%, o menor para o período desde 2014. O índice é considerado estável em relação ao trimestre móvel terminado em janeiro de 2024 (7,6%) e 1 ponto percentual (p.p) abaixo do apurado no mesmo período de 2023 (8,5%).

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, divulgada nesta quarta-feira 29 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Taxa de desemprego fica em 7,5%, a menor para o trimestre desde 2014. Foto: José Aldenir/Agora RN.
Taxa de desemprego fica em 7,5%, a menor para o trimestre desde 2014. Foto: José Aldenir/Agora RN.

A Pnad apura todas as formas de ocupação de pessoas a partir de 14 anos de idade, seja emprego com ou sem carteira assinada, temporário e por conta própria, por exemplo.

A população desocupada, ou seja, quem não trabalhava e estava à procura de alguma ocupação, ficou em 8,2 milhões, sem variação significativa em relação ao trimestre móvel encerrado em janeiro de 2024, porém 9,7% menor que o apontado no mesmo período de 2023. Isso representa menos 882 mil desocupados.

O número de trabalhadores ocupados chegou a 100,8 milhões, considerado estável em relação ao trimestre terminado em janeiro de 2024. Em relação a 12 meses atrás, houve acréscimo de 2,8%, o que representa mais 2,8 milhões de pessoas com trabalho.

Brasil colherá 297,5 milhões de toneladas de grãos, estima a Conab
Colheita de arroz antes das enchentes evitou maiores problemas
13/06/2024 às 14:50
Prefeitura de Ceará-Mirim antecipa pagamento de parcela do 13°
Pagamento corresponde a 40% dos salários que pela legislação, poderiam ser depositados até 30 de novembro
13/06/2024 às 10:30
Supremo decide que FGTS deve garantir correção pelo IPCA
Proposta não será aplicada a valores retroativos
12/06/2024 às 18:41
Dólar bate R$ 5,43 após Lula criticar mercado e desgaste gerado por MP
Dólar tem maior cotação desde dezembro de 2022
12/06/2024 às 16:37
Câmara aprova e “taxa das blusinhas” agora espera sanção de Lula
Projeto do Mover foi alterado no Senado Federal, e proposta voltou para ser analisada na Câmara dos Deputados. Agora aguarda sanção
11/06/2024 às 21:47
BC planeja pagamento com Pix por aproximação com Google e Apple Pay, diz Campos Neto
Ele também defendeu o diálogo entre países para que se avance em uma integração global de sistemas de pagamento instantâneo
11/06/2024 às 18:16
Haddad proporá a Lula mudanças no formato de pisos de Saúde e Educação
Ministro assegurou que limites de crescimento real não trarão perdas
11/06/2024 às 17:07
MPRN, MPCe TCE se reúnem para debater fiscalização ao orçamento sanitário estadual
Encontro teve como objetivo fortalecer parceria entre as instituições para ampliar e qualificar a proteção e a defesa do direito social à saúde
11/06/2024 às 16:41
Governo anula leilão de arroz importado após indícios de irregularidades
Segundo Edegar Pretto, da Conab, um novo leilão será realizado, para contratar empresas 'com capacidade técnica e financeira'
11/06/2024 às 14:23
Sesc RN anuncia editais de fomento à cultura com investimento de mais de R$ 500 mil
Oportunidades são para as áreas de Audiovisual, Intervenção Urbana (Arte Grafite) e Galeria Sesc (Artes Visuais e Mediação).
07/06/2024 às 18:27
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.