BUSCAR
BUSCAR
Eleições 2020
Tati Ribeiro propõe ampliar acesso à educação superior
Candidata do PSOL à Câmara Municipal de Natal, Tati Ribeiro defende políticas públicas para fortalecer acesso de moradores de áreas periféricas da capital potiguar ao ensino superior. Um das metas da candidatura é levar cursinho popular para todas as regiões da cidade
Redação
05/11/2020 | 05:25

O sonho de alcançar uma universidade pública ainda é distante para milhares de brasileiros, principalmente, os que não conseguem obter as condições necessárias de preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Foi para tentar mudar essa realidade que surgiu a rede de cursinhos Emancipa, um movimento social de educação popular que desde 2007 organiza cursinhos populares pré-universitários para atender à demanda represada dos estudantes de escolas públicas pelo acesso ao ensino superior.

O cursinho já conta com cerca de 70 unidades em oito estados do país. São quatro unidades só no Rio Grande do Norte. Em Natal, o Emancipa é coordenado por Tati Ribeiro, que disputa pelo PSOL uma vaga na Câmara Municipal e tem na luta por melhorias na educação pública uma de suas principais bandeiras de campanha.

O cursinho se auto sustenta e sobrevive da disposição de educadores voluntários em transformar vidas. Os alunos não pagam nada para as aulas. Muitas histórias são transformadas a partir das aulas do cursinho, uma delas é a de Vivian Mikaelly da Silva Pereira, 20, que frequentou as aulas em 2018, e em 2019 conseguiu acessar a universidade. Hoje, ela atua como voluntária dando aulas de história na rede. Só em Natal, o cursinho já atendeu cerca de 2000 alunos.

“Eu acho que a rede Emancipa ela é importante porque de certa forma minimiza essa lacuna que a gente tem para ingressar na universidade, infelizmente a gente sabe que a educação ainda não é igualitária. Então esse espaço do Emancipa é importante não só para a educação, também é importante para a formação do aluno, não oferecemos só aulas, a gente tem outros espaços de discussão”, afirma Vivian Mikaelly.

A estudante revela acreditar que esse é o diferencial do Emancipa. “Quando eu era aluna a gente fazia vaquinha para ajudar na passagem do colega, no almoço, a rede Emancipa é muito mais que um cursinho, aqui a gente se ajuda como uma grande família […] a relação de Tati com os alunos é incrível, a forma como ela fala dos alunos, acredito que se todo profissional da educação fosse 10% como a Tati a gente estaria muito bem encaminhados”, destaca.

Durante a pandemia, sem aulas presenciais, o cursinho precisou se reinventar. Tati e os professores da rede passaram a construir conteúdo para aulas à distância em plataformas como whatsapp.

O principal foco era não deixar cair o rendimento dos alunos, e estimulá-los a continuar a preparação para o Enem, mesmo com o ensino público regular fechado. Um dos desafios foi fazer os alunos acessarem o conteúdo, mesmo com pouco acesso à internet, o que fez Tati também levar esse debate para dentro de suas propostas para a Câmara Municipal.

“Nosso papel na rede Emancipa é democratizar o acesso à educação, em todos os níveis. A pandemia é um desafio, principalmente porque lidamos com estudantes que têm dificuldade de acessar a internet. Fica claro também que a gestão municipal precisa olhar mais para essa área. Na Câmara, vamos brigar pela universalização do acesso à internet banda larga em Natal”, afirma Tati.

Uma das metas da candidatura também é fazer com o que o cursinho popular chegue a mais regiões e periferias de Natal.

Além disso, Tati quer a inclusão no currículo escolar municipal de conteúdos que tratem das raízes negras e indígenas brasileiras. Inclusive, por ter um histórico de participação em movimentos de negros e negras, a candidata quer fazer formações com professores da rede pública sobre o assunto, aos moldes do que já acontece no Emancipa.

“Acredito que meu papel na Câmara é de ampliar o acesso de todos os espaços que os jovens negros não estejam representados. Quero mais negros na Câmara, nas universidades, como juizes em tribunais e como médicos em hospitais. O melhor caminho para isso é a educação pública e popular. Quero ampliar nosso trabalho no Emancipa, e da tribuna da Câmara Municipal de Natal lutar por melhorias na educação pública de Natal”, completa a candidata do PSOL.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.