BUSCAR
BUSCAR
Pandemia
Setor turístico potiguar está animado com retomada
Estabelecimentos de hospedagens avaliam que os protocolos sanitários asseguram segurança e saúde aos visitantes; pousadas em Pipa, no litoral Sul potiguar, já alcançam 100% de ocupação
Pedro Trindade
04/08/2020 | 00:03

O setor turístico potiguar está entusiasmado com o retorno da atividade econômica no Rio Grande do Norte após quatro meses de contenção de despesas, que exigiram esforço e criatividade dos empresários para administrarem estabelecimentos e funcionários com receita financeira enxugada em virtude do novo coronavírus, causador do atual cenário pandêmico.

Com o isolamento social apontado com uma das medidas mais eficazes de prevenção à Covid-19, muitos turistas desistiram das viagens e, entre outras ações, cancelaram reservas de hospedagens, como detalha o proprietário de uma pousada em Pipa, Anderson Borges. Tal contexto, contudo, é episódio do passado, pois a retomada da economia na praia do Litoral Sul “está sendo melhor do que esperávamos” e a expectativa é que o setor siga em crescimento constante a fim de amenizar os impactos da pandemia.

Autorizados a funcionar com 50% da capacidade desde 8 de julho, os proprietários dos estabelecimentos de hospedagens pontuam que o desenvolvimento de protocolos que asseguram segurança e saúde aos visitantes e trabalhadores alinhados ao comprometimento dos empresários em executá-los resultou no aumento da credibilidade dos estabelecimentos junto aos clientes, que retomaram a confiança em reaver o roteiro turístico.

“Estamos muito satisfeitos com a retomada da economia em Pipa, pois estamos com muita procura, em sua maioria de turistas locais que estavam querendo sair e viajar. Eu consigo enfatizar que está muito boa. Para nós, é uma surpresa. Acredito que este resultado se deve ao fato de respeitarmos as leis municipais e estaduais”, comenta Anderson Borges.

Ele detalha que está com 100% dos quartos disponíveis para funcionar ocupados, atingindo um resultado almejado há meses. Dos clientes que têm usufruído dos serviços da pousada, 90% deles são da própria região Nordeste do Brasil, enquanto os demais 10% são de outros estados do país.

A promessa de alguns laboratórios em produzir, ainda em 2020, uma vacina contra o vírus causador da Covid-19 aumenta a esperança dos empresários em realizar grandes eventos que integram o calendário das festas que acontecem no final do ano, como as tradicionais comemorações de réveillon, que neste ano dependem de fatores sanitários para sua realização.

Em São Miguel do Gostoso, no Litoral Norte do RN, há um planejamento para que a festa da virada de 2020 para 2021 seja realizada, como divulga a secretária municipal de Turismo, Janiele Linhares. Ela explica que, para tanto, é necessário observar os números da pandemia por meio do Boletim de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) a fim de analisar quais são as possibilidades viáveis para realização dos eventos.

“Estamos, sim, planejando o Réveillon do Gostoso, que tem conquistado cada vez mais espaço no cenário nacional quando falamos deste tipo de evento, mas para que ele aconteça é necessário que cada um de nós faça sua parte, mantendo o cuidado e o uso da máscara”, enfatiza Janiele.

As vendas dos ingressos – em quantidade reduzida – de um evento privado que deve acontecer na cidade a partir da última semana de dezembro estão agendadas para começarem já na próxima terça-feira (11). São Miguel do Gostoso contabiliza nove mortes pelo novo coronavírus. A secretaria esclarece que os dados da saúde pública a nível local e nacional definirão as possibilidades de novas entradas.

A programação da festa conta com artistas potiguares e nomes conhecidos no mercado da música brasileira, como o grupo musical Vintage, o pagodeiro Thiaguinho e o DJ cantor Pedro Sampaio.

Janiele Linhares destaca, ainda, que o compromisso com o próximo e o respeitos às recomendações das autoridades de saúde determinarão as possibilidades de relação social nos próximos meses e, por isso, lança uma proposta: “Vamos nos cuidar, lembrando sempre de lavar as mãos e de usar a máscara, para nos encontrarmos em dezembro no réveillon?”, encerrou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.