BUSCAR
BUSCAR
Esporte
Série B: Briga por acesso ainda tem 6 clubes para 2 vagas
Redação
22/11/2023 | 05:00

A última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro vai definir as brigas de quem ainda tenta chegar à primeira divisão e de quem espera não cair para a Série C. Ao final da 37ª rodada, seis equipes ainda disputam duas vagas no G-4. Na outra ponta, quatro clubes fogem do Z-4, que já tem ABC e Londrina confirmados. A rodada derradeira acontece no sábado, dia 25.

Nesta segunda-feira, o Sampaio Corrêa confirmou que dependerá apenas de suas próprias forças para se salvar do rebaixamento. A equipe maranhense acabou com um jejum de sete partidas sem vitória ao golear o Avaí, por 4 a 0, no estádio Castelão, em São Luís (MA), e respirou contra a degola.

Com o resultado, o Sampaio Corrêa foi aos 39 pontos e saiu da zona de rebaixamento, aparecendo na 15ª colocação. Chapecoense e Tombense, rivais nessa briga, têm 37. De qualquer forma, para não depender de nenhum outro resultado, o time maranhense precisará vencer o Sport, na última rodada, em duelo que será realizado no Recife (PE).

Os postulantes a jogar a Série A em 2024, com os grandes do Brasil, além de Vitória e Criciúma, já classificados, são Juventude (56,2% de chances), Vila Nova (44,9%), Novorizontino (32%), Atlético-GO (29,8%), Sport (20,1%) e Mirassol (16,9%). Os dados são do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A diferença entre o melhor e o pior dos seis é de apenas dois pontos. O Juventude tem 62 pontos, enquanto o Sport soma 60.

Fugindo da Série C estão Sampaio Corrêa (22,1% de riscos de cair), Ponte Preta (29,2), Tombense (71,1) e Chapecoense (77,5) . O Ituano empatou com o time catarinense na última rodada e, junto da derrota da equipe mineira, garantiu a permanência. Além do time do Maranhão, a Ponte Preta também depende apenas de si. Caso vença o CRB, a equipe de Campinas chegaria a 42 pontos, inalcançáveis para Tombense e Chapeconese, que têm 37 cada.

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.