BUSCAR
BUSCAR
Lázaro
Serial killer diz a reféns que quer “sair de Goiás e do DF”
Lázaro Barbosa de Sousa está sendo procurado pela polícia há 13 dias em uma operação que conta com cerca de 300 agentes
O Dia
21/06/2021 | 08:54

Acusado de matar cinco pessoas nas últimas duas semanas, o serial killer Lázaro Barbosa de Sousa vem fugindo da polícia há 13 dias no estado de Goiás, numa operação que conta com cerca de 300 agentes. Uma família feita de refém por ele na cidade de Cocalzinho de Goiás concedeu uma entrevista exclusiva ao Fantástico, da TV Globo, e revelou que Lázaro quer sair do estado em sua fuga.

“Tinha hora que ele já falava assim: ‘a hora que ele parar de avoar, eu vou deixar vocês e vou seguir. Mas é para vocês mandarem uma mensagem para eles, para os policiais, que eu quero sair de Goiás e do DF. Enquanto eles não deixarem, eu vou continuar fazendo isso que eu estou fazendo com vocês’”, revelou o dono da casa.

O homem foi feito de refém junto da esposa e da filha de 16 anos por quase duas horas. Eles tinham acabado de almoçar quando Lázaro apareceu. “Falou assim para mim: ‘não reage, não, senão o senhor morre'”, contou o pai.

Lázaro amarrou o dono da casa e mandou a esposa fazer comida para ele e entregar o celular. “Ele pegou o celular meu e da minha filha. E já pôs nós para correr para baixo, no rumo do rio e do mato”, disse a mulher.

Antes de entregar o celular, a adolescente de 16 anos conseguiu enviar uma mensagem, pedindo socorro, a um policial que havia passado na residência no dia anterior. “Eu estava no quarto e escutei o meu pai falando para não fazer nada. Nisso, eu já entrei no meu WhatsApp e entrei na conversa de um policial que passou lá no dia anterior, que tinha deixado o número, e mandei mensagem”, disse a garota.

Sob comando do serial killer, a família andou por um rio enquanto ele dizia para não pisarem fora da água, para não deixar pegadas na areia. Segundo a família, Lázaro dizia que mataria eles se pisassem na área.

A polícia conseguiu encontrá-los por causa da mensagem enviada pela adolescente. No momento, ocorreu uma troca de tiros e Lázaro feriu de raspão um policial. A família foi resgatada e ele conseguiu fugir.

*Com informações do Fantástico, da TV Globo.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.