BUSCAR
BUSCAR
Crime

Ronnie Lessa confessa assassinato de Marielle Franco e diz que poderia lucrar R$100 milhões com crime

Depoimento veiculado no Fantástico aponta suposta motivação financeira e envolvimento de políticos
Redação
27/05/2024 | 10:00

Ronnie Lessa, ex-policial militar, confessou em depoimento à polícia, veiculado no programa Fantástico da TV Globo no domingo 26, sua participação nos assassinatos da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes.

Segundo Lessa, os irmãos Domingos e Chiquinho Brazão teriam oferecido a ele e a um comparsa um loteamento clandestino na zona oeste do Rio de Janeiro como pagamento pelos assassinatos de Marielle e Anderson. Lessa afirmou que Domingos Brazão, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ), e Chiquinho Brazão, deputado federal, foram os mandantes dos crimes.

O ex-policial Ronnie Lessa é um dos presos pelo assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes. Foto: Reprodução.
O ex-policial Ronnie Lessa é um dos presos pelo assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes. Foto: Reprodução.

Lessa declarou que os encontros com os Brazão ocorreram em uma avenida na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, onde teriam discutido a motivação para os assassinatos. No entanto, a Polícia Federal não conseguiu comprovar a veracidade desses encontros.

A defesa de Domingos Brazão negou as acusações, afirmando que não há elementos que sustentem a versão de Lessa. Já os advogados de Chiquinho Brazão classificaram a delação de Lessa como uma “desesperada criação mental na busca por benefícios”, alegando contradições e inverdades.

Ronnie Lessa está preso na Penitenciária Federal de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, desde dezembro de 2020. Sua delação foi homologada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em março deste ano.

*Com informações da CNN

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Mega-sena não tem ganhadores e prêmio vai a R$ 47 milhões
Dezenas sorteadas foram 11 - 17 - 24 - 26 - 35 - 43
13/06/2024 às 21:48
FAB revoga documento que proibia militares da reserva de se posicionar politicamente
Nova instrução foi editada; texto disciplina a atuação dos integrantes da instituição no período eleitoral
13/06/2024 às 20:27
Saúde reajusta bolsa do Mais Médicos em 8,4%
Ajuda de custo dos profissionais também terá aumento
13/06/2024 às 16:14
Pai é preso após ser flagrado ao abusar sexualmente de filha na UTI
A polícia civil de São Bernardo do Campo (SP) pediu a prisão preventiva do suspeita
13/06/2024 às 14:36
Bruno Mars fará show para arrecadar fundos para o Rio Grande do Sul
Ingressos serão sorteados entre pessoas que fizerem doações para a Ação da Cidadania
13/06/2024 às 14:13
Cadastro de condenados por violência contra mulher vai ao Senado
Texto foi aprovado em votação simbólica na Câmara dos Deputados
13/06/2024 às 12:05
Estudantes têm até esta sexta-feira para se inscrever no Enem
Inscrições devem ser feitas na Página do Participante
13/06/2024 às 09:20
Câmara aprova projeto que torna crime hediondo ataque a escolas
Pela proposta, o condenado não terá direito a fiança, anistia, liberdade provisória e a progressão de regime será mais lenta
12/06/2024 às 21:49
CCJ aprova incluir na Constituição criminalização do porte de drogas
PEC foi aprovada na Câmara por 47 votos favoráveis e 17 contrários
12/06/2024 às 16:14
Taxação de importação até US$ 50 e Projeto Mover vão à sanção
PL 914/24 foi aprovado na Câmara por 380 votos contra 26
12/06/2024 às 11:30
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.