BUSCAR
BUSCAR
Vacinas
Queiroga confirma 100 milhões de doses da Pfizer a partir de setembro
Contrato está na iminência de ser assinado. Ministro não quis falar em metas de vacinação por dia: "vamos garantir vacinas"
R7
08/05/2021 | 14:46

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, confirmou neste sábado (8) que o governo brasileiro está prestes a assinar um contrato com a Pfizer para a compra de 100 milhões de doses da vacina contra a covid-19 para serem entregues entre setembro e dezembro de 2021, sendo que 35 milhões de doses já em setembro.

Questionado sobre a velocidade da vacinação, ele não quis fechar uma previsão de quantas doses serão aplicadas por dia. Alguns especialistas apontam que o Brasil deveria aplicar 2 milhões de doses por dia para controlar a pandemia em 2021, mas a média de doses aplicadas desde o início da vacinação, em 17 de janeiro, está abaixo de 500 mil doses/dia. Apesar da média baixa, os números estão aumentando, chegando a 1,7 milhão de doses aplicadas em um dia em abril.

O repórter do Jornal da Record Yuri Achcar falou com exclusividade com o ministro após reunião no ministério neste sábado, leia abaixo:

Há um novo contrato de 100 milhões de doses da Pfizer, quando chegarão essas vacinas? O contrato já foi assinado?

“A partir de setembro, 35 milhões de doses em setembro e as demais até dezembro. O contrato está na iminência de ser assinado, ainda não foi assinado, existem algumas questões legais, mas está tudo certo. Quando estiver assinado vamos divulgar”, disse o ministro.

O presidente Bolsonaro falou de 1,1 milhão de doses da Pfizer do contrato antigo. Estas doses já serão distribuídas na segunda-feira?

“A distribuição de 1 milhão e 100 doses da Pfizer será feita de domingo para segunda, e na segundo os municípios já terão a vacina”, disse o secretário executivo da pasta, Rodrigo Cruz, que estava com Queiroga.

Qual deve ser a média de vacinação diária? Já que tivemos dias com 1,7 milhão de doses aplicadas, mas desde o início da vacinação a média não chega a 500 mil doses por dia?

“Estamos avançando e a população pode ficar confiante que governo, ministério e secretarias, todos estão empenhados em vacinar. Nós temos que vacinar com as doses que nós recebemos e mandar uma mensagem para a população que ela irá ser imunizada em tempo hábil. Temos que trabalhar para trazer mais doses de vacinas para a população brasileira”, disse o ministro.

O presidente Jair Bolsonaro pediu para o senhor fazer vídeo de apoio à cloroquina?

” O presidente pediu para gente vacinar a população do Brasil, esse é o compromisso que temos e presidente é grande apoiador da vacinação e quer que as pessoas voltem ao trabalho o mais rápido possível”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.