BUSCAR
BUSCAR
"Imbecil"
Processado, Eduardo Costa diz que xingou a atriz Fernanda Lima por ser “caipira”
Em 2018, Fernanda Lima foi atacada pelo cantor após discurso defendendo minorias no programa
DCM
24/10/2021 | 13:21

Processado por Fernanda Lima após tê-la chamado de “imbecil com discurso esquerdista”, Eduardo Costa agora diz que é “homem de sítio”. O ataque ocorreu após o discurso da apresentadora sobre a mulher na sociedade durante o programa “Amor e Sexo”.

Seus advogados alegaram no processo que o artista é “caipira”, segundo a coluna de Ancelmo Gois n’O Globo.

Em 2018, Fernanda Lima foi atacada pelo cantor após discurso defendendo minorias no programa. Na ocasião, ela afirmou:

“Chamam de louca a mulher cheia de erotismo, de vida e de tesão. Chamam de louca a mulher que resiste e não desiste. Chamam de louca a mulher que diz sim e diz não. Não importa o que façamos, nos chamam de louca”.

O cantor a chamou de “imbecil” e ainda prosseguiu afirmando que a “mamata irá acabar”, por conta da chegada de Bolsonaro à presidência.

“Mais de 60 milhões de brasileiros e brasileiras votaram no Bolsonaro e agora essa imbecil com esse discurso de esquerdista!! Ela pode ter certeza de uma coisa, a mamata vai acabar, a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco e o lado mais fraco hoje é o que ela está”, escreveu nas redes.

Posteriormente, pediu desculpas, dizendo que foi “babaca”, mas não colou. Ela moveu dois processos contra o cantor.

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.