BUSCAR
BUSCAR
Prefeitura quer oferecer ônibus de qualidade inferior para população de Natal

13/05/2015 | 09:49

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), precisa ser alertado por sua assessoria sobre os riscos eleitorais futuros de acatar integralmente a decisão da Procuradoria do Município, que em parecer técnico, mandou que o chefe do executivo municipal vete da Lei de Transportes itens que aumpliam a qualidade do serviço de péssima qualidade prestado à população de Natal pelas empresas de transporte público.

Em proposta que está sendo elaborada pela Procuradoria Geral do Município de Natal, consta a orientação no sentido do prefeito vetar itens que são considerados conquistas importantes aprovadas pelos vereadores através de emendas ao projeto original, como ar-condicionado e piso rebaixado. Além disso, a proposta de veto do Executivo que está sendo elaborada para ser encaminhada à Câmara Municipal de Natal pretende reduzir a idade na gratuidade e retirar a imposição de limites para tempo de uso da frota.

Outro item que trará desgaste ao prefeito, por ter sido considerado uma conquista, e que poderá ser vetado, diz respeito à linha noturna com frequência de uma hora. Além disso, a redução da idade de gratuidade para idosos de 65 para 60 anos também corre risco de veto, por orientação da Procuradoria.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.