BUSCAR
BUSCAR
Editorial
Preço da liberdade
Redação
06/05/2020 | 03:10

Mais importante do que a divulgação, nesta terça-feira, do inteiro teor do depoimento do ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, dado em Curitiba no último sábado, foi a revelação sobre o ato antidemocrático realizado no domingo (3) em Brasília.

Segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo, ela contou com o apoio do segundo vice-presidente do Aliança pelo Brasil, partido que o presidente Jair Bolsonaro pretende viabilizar para sua próxima candidatura, o empresário Luís Felipe Belmonte.

Revela o jornal que o auxílio para organização do evento em todo o País começou duas semanas antes, o que carimba o evento que Bolsonaro insiste em qualificar como “espontâneo” numa ação de conhecimento do novo partido criado pelo presidente da República para substituir o PSL pelo qual ele se elegeu em 2018.

O Aliança hoje é presidido pelo próprio Jair Bolsonaro e tem seu filho, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), como primeiro vice-presidente e Belmonte como segundo vice-presidente.

Embora alegue não ter desembolsado dinheiro para financiar o evento e nem estimulado pessoalmente a propagação de pauta pedindo, entre outras coisas, fechamento do Congresso e do SFT, Belmonte não convenceu.

Se, no passado recente, o Movimento Sem Terra (MST) se valia da proximidade ideológica com o Partido dos Trabalhadores para invadir propriedades e agir para conturbar a sociedade contra os adversários do então governo, as manifestações pró-Bolsonaro têm exatamente a mesma função, só que dentro do espectro político da extrema direita.

Dentro desse contexto, a revelação do depoimento do ex-ministro Sérgio Moro, de que o presidente age para aparelhar órgãos de controle, como a da Polícia Federal, é apenas mais um indício de que a democracia brasileira corre risco.

As agressões a jornalistas apenas reforçam o caráter autoritários dessas manifestações cada vez mais frequentes. E, nesse campo, o preço da liberdade continua sendo a eterna vigilância.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.