BUSCAR
BUSCAR
Símias e Pojuca
PF faz operações no RN e em outros estados contra o tráfico internacional de drogas
Mandados estão sendo cumpridos nesta segunda-feira 9
Redação
09/11/2020 | 11:20

A Polícia Federal desencadeou nesta segunda-feira 9 operações contra o tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. A Operação Pojuca, com o objetivo de combater o tráfico através dos modais terrestre e marítimo, acontece em conjunto com a Operação Símios.

Pela Operação Pojuca, estão sendo cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva em Natal (RN), Belém (PA) e Teresina (PI).

As investigações começaram quando auditores fiscais da Receita Federal, em outubro de 2019, identificaram 1.436,185 quilos de cocaína envolto de argamassa (método utilizado para ocultar a substância entorpecente do scanner), no Porto de Vila do Conde, em Barcarena (PA), no interior de um container.

Já pela Operação Símios, foram emitidos quatro mandados de prisão preventiva e 18 de busca e apreensão para a operação Símios, que acontece no RN e em outros seis estados: GO, PE, PI, SP, MT e CE.

Neste caso, as investigações começaram com a apreensão de 808,2 quilos de cocaína escondidos em uma carga de bananas, no Porto de Suape, no Grande Recife, em junho de 2019. Segundo a Receita Federal, responsável pelo flagrante, o material seguiria para a Bélgica.

Tráfico internacional

A organização criminosa tinha como especialidade o transporte e armazenamento de cocaína em grandes quantidades em território nacional, além da ocultação em cargas exportadas via portos brasileiros para a Europa em contêineres, afirmou a Polícia Federal.

Os integrantes do grupo criminoso ficavam espalhados pelo Nordeste do país, com atuação também no Norte e ligação com “lavadores” de dinheiro na região Sudeste e Centro-Oeste, segundo a PF. Os chefes do esquema seriam dois irmãos do Sertão do Cariri.

Além disso, apontaram os investigadores, o grupo tem raízes no roubo e furto de cargas e, por isso, já foi alvo da Operação Piratas do Sertão, deflagrada pela Polícia Federal em 2010 no Rio Grande do Norte e na Paraíba.

A investigação contou com apoio da Receita Federal. A PF afirmou que 15 pessoas já foram indiciadas pelos crimes de tráfico e financiamento ao tráfico de drogas, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.