BUSCAR
BUSCAR
STF
PF encontra dois celulares com Daniel Silveira e abrirá investigação
A atitude do parlamentar será agora investigada pela PF, já que Silveira não poderia se comunicar de forma livre desde prisão por determinação do ministro do STF
UOL
18/02/2021 | 20:32

A PF (Polícia Federal) encontrou hoje dois celulares com o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) na sala em que ele estava detido na superintendência da corporação no Rio de Janeiro. A atitude do parlamentar será agora investigada pela PF, já que Silveira não poderia se comunicar de forma livre desde anteontem, quando foi preso por determinação do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes.

Segundo a PF, os celulares foram apreendidos na tarde de hoje em uma sala da SRRJ (Superintendência Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro), onde Silveira estava detido aguardando pela audiência de custódia. Na audiência, foi definida a manutenção da prisão do deputado, que será transferido para o Batalhão Especial Profissional da Polícia Militar do Rio, em Niterói (RJ).

André Rios, advogado de Silveira, disse que não tinha ciência da apreensão e espera que o inquérito policial que será aberto pela PF esclareça o fato.

“Eu não tenho ciência disso, acho que é uma operação que a própria PF vai fazer e vai chegar ao que se deu essa apreensão, quem é o responsável”, afirmou Rios em entrevista à CNN Brasil.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.