BUSCAR
BUSCAR
R$ 132 milhões
Petrobras assina venda de participações em parques eólicos no RN
Contratos foram assinados nesta quinta-feira 7 e somam mais de R$ 132 milhões. Processo ainda depende de aprovação do BNB e Cade
Redação
08/01/2021 | 11:28

A Petrobras assinou dois contratos para venda de suas participações nos parques de produção de energia eólica de Mangue Seco, em Guamaré, no Rio Grande do Norte. As informações foram divulgadas em comunicados da empresa. As eólicas Mangue Seco 1, 3 e 4 foram vendidas ao mesmo grupo empresarial. O parque número 2 segue em processo de venda. Os valores ultrapassam R$ 132 milhões.

As vendas foram feitas à V2I Transmissão de Energia Elétrica S.A., tendo como gestora a Vinci Infraestrutura Gestora de Recursos Ltda.

No caso da Mangue Seco 1, a venda foi da totalidade da participação de Petrobras (49%) na sociedade Eólica Mangue Seco 1 – Geradora e Comercializadora de Energia Elétrica S.A. O valor da venda é de R$ 42,5 milhões, a ser pago em uma única parcela no fechamento da transação, sujeito aos ajustes previstos no contrato.

Quanto aos parques de Mangue Seco 3 e 4, o contrato foi em conjunto com a Wobben Windpower Indústria e Comércio Ltda (Wobben) que também tinha 51% de participação em sociedade com a Petrobras, em cada um dos parques.

O valor total da venda referente à participação de 49% da Petrobras é de R$ 89,9 milhões pelas Eólicas Mangue Seco 3 e 4, a serem pagos em duas parcelas, sendo R$ 22,5 milhões nesta quinta-feira 7, e R$ 67,4 milhões no fechamento da transação, sujeito aos ajustes previstos no contrato.

O fechamento das transações, no entanto, está sujeito ao cumprimento de condições como a aprovação pelo Banco do Nordeste do Brasil, financiador do desenvolvimento do parque eólico, e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

O complexo de quatro parques eólicos tem capacidade instalada total de 104 MW, cada um com capacidade de 26 MW. Sobre o parque Mangue Seco 2, a Petrobras informou que o processo de venda do empreendimento “continua em andamento, na fase vinculante para venda de 51%, totalidade da participação acionária da Petrobras na empresa”.

“Com essa operação, a Petrobras mantém o foco na redução do seu endividamento ao mesmo tempo em que concentra seus recursos em ativos com maior potencial de geração de valor, como os campos de petróleo e gás em águas profundas e ultraprofundas. Em paralelo, a Petrobras segue comprometida com a transição para uma economia de baixo carbono, investindo em novas tecnologias para descarbonização da produção e no desenvolvimento de combustíveis mais eficientes e sustentáveis. A companhia também mantém investimentos em renováveis, por meio de pesquisas, visando adquirir as competências necessárias para, eventualmente, operar fontes renováveis em maior escala no futuro”, afirmou o diretor de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade da Petrobras, Roberto Furian Ardenghy.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.