BUSCAR
BUSCAR
Perfil da presidente Dilma no Facebook pede a criminalização da homofobia

17/05/2015 | 23:12

A página da presidente Dilma Rousseff no Facebook postou mensagem pedindo a criminalização da homofobia, cujo projeto foi arquivado pelo Senado em janeiro. “A presidenta Dilma tem compromisso com o combate a todo tipo de violência, seja contra mulheres, negros ou homossexuais”, diz o texto publicado neste 17 de maio, Dia Internacional Contra a Homofobia. “Não podemos viver com processos de discriminação que levem à violência”, acrescenta a mensagem.

A criminalização da homofobia foi defendida por Dilma durante a campanha pelas eleições do ano passado. Já eleita, a presidente foi cobrada por movimentos sociais e garantiu, em janeiro, que lutaria por um projeto a respeito.

Confira a mensagem na íntegra:

#homofobiaNÃO

Em 17 de maio de 1990, a Organização Mundial da Saúde retirou a homossexualidade da lista de doenças mentais do Código Internacional de Doenças, reconhecendo-a como expressão válida de sexualidade. Desde então, a data marca o Dia Internacional Contra a Homofobia.

A presidenta Dilma tem compromisso com o combate a todo tipo de violência, seja contra mulheres, negros ou homossexuais.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.