BUSCAR
BUSCAR
Saúde
Pacientes com Ômicron podem transmitir vírus por 8 dias, alerta médico
Apesar da recomendação de isolamento ser de 5 a 7 dias para casos leves, o coronavírus pode ficar no corpo dos infectados por mais tempo
Metrópoles
04/03/2022 | 14:13

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 no Brasil e no mundo, a maioria dos casos da infecção causados pela variante Ômicron do coronavírus tem apenas sintomas leves, ou pode nem apresentar qualquer sinal da doença.

O médico e professor Tim Spector, do King’s College London, no Reino Unido, alerta que, apesar de a recomendação de isolamento ser de cinco a sete dias para casos leves, o vírus parece continuar no organismo por volta de oito dias.

Ele afirma que é importante ter os autotestes em casa e fazer o exame antes de deixar o isolamento.

Principais sintomas

De acordo com o aplicativo ZOE, que cataloga os principais sintomas de Covid-19 entre a população do Reino Unido, os sintomas mais comuns da variante Ômicron são coriza (77%), dor de cabeça (68%), dor de garganta (67%), fadiga (66%) e espirros (63%).

Outros sinais são tosse persistente, voz rouca, calafrios e dores nas juntas.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.