BUSCAR
BUSCAR
RN
PAC do RN inclui hub dos Correios no Aeroporto de São Gonçalo
Centro internacional será um local para receber mercadorias mas também um polo de exportação
Redação
17/10/2023 | 09:37

A instalação no aeroporto de São Gonçalo do Amarante do hub dos Correios, como é chamado o Centro Internacional dos Correios no Rio Grande do Norte está incluído no PAC do RN.

“Nosso hub atenderá o crescimento do segmento internacional de encomendas, que tem imenso valor para os Correios, e será um marco para o desenvolvimento local, gerando empregos, atraindo outras indústrias e consolidando a vocação da região para se tornar um polo logístico de destaque”, afirmou o presidente da estatal, Fabiano Silva dos Santos, que esteve na tribuna de honra do evento.

O dirigente destacou que o centro internacional será um local para receber mercadorias mas também um polo de exportação.

O novo hub irá permitir aos Correios aumentar sua cobertura de mercado, com expansão das instalações operacionais, para produtos internacionais na região Nordeste, com melhor aproveitamento das oportunidades de negócio.

Com a implantação da unidade, a empresa espera reduzir os prazos de encaminhamento de carga para os estados do Nordeste, uma vez que o novo centro internacional estará mais próximo dos destinatários e a carga será entregue diretamente na região.

O ganho pode variar de 2 a 6 dias, dependendo do local de destino das encomendas. Além disso, a empresa ainda conseguirá reduzir os custos com o transporte de carga das regiões Sul e Sudeste para o Nordeste, em uma economia estimada em R$ 24 milhões por ano, e desonerar outras unidades operacionais internacionais localizadas nos estados de São Paulo e Paraná.

“Sonhamos muito com esse anúncio. Da época da presidente Dilma, conseguimos consignar que esse projeto viesse para o RN, porém, com as conjunturas que vieram depois, a proposta foi relegada. Os Correios voltaram e o projeto também. Isso significa agregar valor ao aeroporto internacional, trazer emprego ao nosso povo e promover o desenvolvimento do nosso estado”, discursou, com entusiasmo, a governadora Fátima Bezerra.

Estudos – A instalação de um hub dos Correios no Nordeste estava engavetada há quase 10 anos, apesar da necessidade operacional latente. A escolha do Rio Grande do Norte para receber a unidade foi baseada em critérios técnicos apontados por estudos realizados na estatal, entre os quais os pontos fortes do terminal de cargas do aeroporto de São Gonçalo do Amarante/RN, que possui 4 mil m2 de área construída, presença de órgãos anuentes e intervenientes e recebimento de carga 24 horas.

Em agosto, os Correios foram formalmente inseridos na agenda de investimentos do Novo PAC, com a inclusão de projetos estratégicos de ampliação da capacidade de processamento dos objetos nacionais e internacionais, com a instalação de novos Centros Operacionais; modernização do Parque Logístico Nacional dos Correios e instalação de novos sistemas de triagem automatizada de encomendas.

O valor total que será investido pela estatal está estimado em R$ 854 milhões. A previsão é de que as ações sejam finalizadas até 2026.

Enem 2024: período para pedir isenção da taxa começa nesta segunda
O prazo de pedidos de isenção do Enem 2024 se estende até 26 de abril e também vale para as justificativas de ausência na edição de 2023
14/04/2024 às 17:10
Novo Código Civil deve reconhecer que animais são seres com sentimentos e direitos
Proposta vai ser debatida no Senado em sessão temática na próxima quarta-feira 17
14/04/2024 às 16:49
Programa Celular Seguro chega a 40 mil bloqueios após alertas de usuários
Programa Celular Seguro ultrapassou a marca de 40 mil alertas de bloqueios referentes a perda, roubo ou furto de aparelhos
14/04/2024 às 16:33
Professores de universidades federais anunciam greve a partir desta segunda; veja lista
UFRN e UFERSA não estão na lista das 18 universidades federais cujos professores anunciaram greve
14/04/2024 às 16:09
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.