BUSCAR
BUSCAR
Segurança pública

“Negligente é o secretário”, rebate presidente do Sindicato de Policiais Penais do RN após fuga da Rogério Coutinho Madruga

Vilma Batista disse que a fuga ocorreu em decorrência do efetivo deficitário de policiais presentes na penitenciária
Redação
03/05/2024 | 10:06

Presidente do Sindicato dos Policiais Penais do Rio Grande do Norte (Sindppen-RN), Vilma Batista rebateu a declaração do secretário da Administração Penitenciária do Estado (Seap-RN), Helton Edi Xavier, sobre haver indícios de negligência que podem ter contribuído para a fuga dos detentos da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta, no dia 30 de abril. Para a representante da categoria, foi o titular da pasta que agiu com negligência.

Antes da fuga, os detentos Ricardo Campelo da Silva e Gustavo da Rocha Dias estavam na chamada “oficina dos trabalhadores”, um tipo de cela onde os apenados ficam no horário do almoço. De acordo com o secretário, eles escaparam da unidade por volta das 12 horas, durante o almoço. As imagens apontam que os dois fugitivos não tiveram dificuldade para abrir a porta dessa cela, cuja porta deveria estar trancada. “Eles ficam trancados no horário de almoço e o que a gente percebe, pelo menos nesse primeiro momento, é que não houve dificuldade (de abrir a porta)”, disse Helton Edi.

vilma batista
Presidente do Sindicato dos Policiais Penais do Rio Grande do Norte (Sindppen-RN) Vilma Batista. Foto: José Aldenir / Agora RN

Em entrevista nesta sexta-feira 3 ao Jornal da Cidade, da 94 FM, Vilma Batista disse que a fuga ocorreu em decorrência do efetivo deficitário de policiais presentes na penitenciária. “O secretário sempre foi consciente e nada fez para aumentar o efetivo daquela unidade, onde temos 602 presos, três organizações criminosas se digladiando todos os dias”, pontuou ela.

Para ela, o secretário foi negligente ao não aumentar o número de policiais na unidade. “O secretário coloca vários presos para trabalhar sem a devida vigilância, porque esses presos que fugiram estavam em uma oficina sem a devida vigilância porque não tem como 20 policiais penais, que estavam em serviço, ficar um só no monitoramento olhando 80 câmeras”, disse.

A Seap informou que afastou quatro policiais penais e que abriu uma sindicância e um processo administrativo disciplinar para apurar se houve negligência por parte dos policiais. Vilma, por sua vez, pediu o afastamento de Helton Edi Xavier.

“O secretário não tem conhecimento algum do sistema prisional, muito menos de segurança pública. Com certeza ele iria dar essa satisfação política do que aconteceu, quando na verdade o negligente sempre foi e é o secretário. Eu acho que o afastamento [dos policiais] foi uma forma administrativa que ele encontrou de tentar camuflar a ingerência da gestão. Nós, inclusive, pedimos que a governadora afaste o próprio secretário. Porque se os policiais estão sendo afastados para apurar o que aconteceu, ele também deve ser afastado para saber porque ele não tomou as providências”, afirmou.

Há ameaça de novos ataques nas ruas, afirma Vilma Batista

A representante do Sindppen-RN afirmou ainda, durante a entrevista nesta sexta-feira 3, que existe uma “ameaça real” de novos ataques criminosos nas ruas – assim como ocorreu no RN em março de 2023, quando ações orquestradas por uma facção causaram terror à população, com incêndios e tiros contra prédios públicos, veículos, comércios e até residências.

“Há uma ameaça real de ataques nas ruas, o secretário sabe disso e mesmo assim não compartilhou essas informações com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), ele está negligenciando”, reiterou Vilma Batista.

De acordo com ela, a fuga poderia ter ocorrido em qualquer outra unidade. “Porque está sendo recorrente nessa gestão brincar de segurança pública. Aí o secretário vem enganar a população dizendo que é negligência [dos policiais], mas é dele. Até quando a governadora Fátima Bezerra vai passar a mão na cabeça dessa gestão? É inadmissível que esse secretário continue perseguindo os policiais penais”, questionou.

Investigação

O secretário Helton Edi Xavier enfatizou que as câmeras de monitoramento mostraram, ao vivo, toda a movimentação dos detentos dentro da unidade prisional e até mesmo fora dela, criando diversas oportunidades para que a fuga fosse notada por algum agente de segurança, o que poderia ter impedido o sucesso dos prisioneiros.

A facilidade de abrir as portas, a circulação dos presos desacompanhados e a falha no vídeo-monitoramento acumulam uma série de falhas que contribuíram com a ação dos fugitivos.

“Primeiro, a cela deveria estar fechada. Segundo, deveria ter gente acompanhando. O monitoramento, será que ninguém viu? A gente tem dois níveis de monitoramento: o local, da unidade, e o da nossa central de unidade. No curso das investigações, essas perguntas terão que ser respondidas”, reforçou o secretário.

Mesmo quando conseguiram escapar da Rogério Coutinho Madruga, os fugitivos ainda poderiam ter sido vistos pelos agentes responsáveis pelo vídeo-monitoramento da penitenciária, conforme explicou Helton Edi. “Na parte de fora, tem um (detento) que entra (e se esconde) na mata, mas outro caminha na rua (exposto às câmeras). Eu volto a perguntar: Será que ninguém viu isso?”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
José Dias fala sobre LDO e destaca competência da equipe de análise técnica da Casa
LDO reúne detalhes sobre o uso dos recursos públicos no curto prazo
29/05/2024 às 12:38
Polícia Civil prende homem suspeito de matar “Tutu Vaqueiro” em Pau dos Ferros
Tutu Vaqueiro foi brutalmente assassinado em sua própria residência em Pau dos Ferros
29/05/2024 às 12:27
Polícia Civil desmantela organização criminosa que furtava tubos de petróleo no RN
Ação visou desmantelar uma organização criminosa na região Oeste Potiguar
29/05/2024 às 12:16
Deputado José Dias é escolhido para relatar LDO 2025
Projeto foi distribuído pelo deputado Tomba Farias
29/05/2024 às 11:59
Pingo da Mei Dia abre Mossoró Cidade Junina
Para possibilitar mais espaço ao evento, o Município ampliou a área da festa
29/05/2024 às 11:51
Berço da criatividade, Pinacoteca do RN recebe exposições de artistas locais que rompem fronteiras
Pinacoteca do Estado está em constante celebração da arte
29/05/2024 às 11:46
Descubra a voz da literatura indígena do Rio Grande do Norte
A escritora foi semifinalista do Prêmio Jabuti 2023 na categoria Poesia
29/05/2024 às 11:41
Paula Pimenta revela data de início das gravações da sequência de “Fazendo meu filme”
Escritora esteve em Natal no último dia 25 para participar de uma roda de conversa e autógrafos com os fãs no evento Invasão Geek do Sesc RN
29/05/2024 às 11:25
Cantor potiguar Filipe Toca é indicado ao prêmio da música brasileira
No dia que as nomeações saíram, o cantor agradeceu e comentou sobre o novo ciclo de trabalho
29/05/2024 às 11:18
Governo conclui pagamento salarial de maio para o funcionalismo do RN no dia 30
Serão 371 milhões depositados nas contas de 63 mil servidores que ganham acima de R$ 4 mil, trabalhadores da Educação e lotados em pastas com recursos próprios.
29/05/2024 às 11:04
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.