BUSCAR
BUSCAR
Descaso
Mulher sofre aborto após esperar 6h por cirurgia em hospital de SP
Paciente chegou em estado de emergência, precisando realizar cesariana e médicos mentiram sobre lotação do centro cirúrgico
R7
20/05/2021 | 20:47

Uma mulher sofreu um aborto após esperar seis horas por uma cirurgia de emergência no Hospital Estadual de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, no último dia 6. Em denúncia feita à Record TV, uma funcionária que não quis ser identificada afirma que a vítima chegou às 14h30 e só foi levada ao centro cirúrgico às 20h.

De acordo com exames de radiografia feitos na chegada da gestante, foi constatado que o bebê estava em boas condições de saúde e com os batimentos cardíacos normais. “Ela ainda questionou se estava tudo bem com o bebê dela. A médica que estava no consultório foi debochada e falou assim: ‘Lógico que tá tudo bem. Não tem como seu bebê ter morrido, já está tudo formado.’ Em tom de deboche”, revela a funcionária.

Entretanto, segundo a denunciante, a mulher não estava bem e seria necessária uma cirurgia de emergência. Ainda de acordo com a testemunha, um dos médicos disse que não havia vagas no centro cirúrgico – informação que a funcionária nega.

Além disso, a colaboradora afirmou que um dos profissionais da equipe disse para deixar a mulher esperando até a troca de turno e ser atendida pela equipe da noite.

“Tá doendo demais”, disse a gestante após a morte do bebê. Segundo informações da Record TV, outra funcionária do hospital entrou em contato com a vítima, confirmando as ações negligentes que ocorreram no dia e alegando que não seria a primeira vez. Depois da morte do bebê, a funcionaria do hospital revela que a direção se reuniu com os funcionários e mudou a conduta.

Em nota, o Hospital Estadual Sapopemba disse que “está apurando a denúncia e tomará as medidas cabíveis se forem constatados erros por parte da equipe médica”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.