BUSCAR
BUSCAR
Milagre?
Mulher desaparecida por dois anos é achada viva boiando no mar: “Eu renasci”
Angelica Gaitán, de 46 anos, foi achada boiando a cerca de 2,5 quilômetros de uma praia
Redação
29/09/2020 | 15:09

Uma mulher foi achada boiando a aproximadamente 2,5 quilômetros de uma praia em Puerto Colombia, na Colômbia, por um pescador no último sábado 26. De acordo com a imprensa local, Angelica Gaitán, de 46 anos, estava desaparecida por dois anos.

Ela foi encontrada com hipotermia e bastante debilitada. Ainda segundo os jornais colombianos, Angelica estava no mar havia oito horas, se agarrando a uma boia. Após o resgate, a colombiana chegou a um hospital da cidade em estado de choque.

A mulher havia perdido contato com a família havia dois anos. O paradeiro dela e o que fez no tempo desaparecida estão sendo apurados pela polícia, que trabalha com duas linhas de investigação: na primeira, acredita-se que Angelica tenha se jogado no mar para escapar dos abusos que ela sofria do parceiro. O relacionamento não tinha o apoio da família dela.

Em outra versão, a mulher passou dois anos vivendo em um abrigo em Barranquilla, onde sofreria maus-tratos.

A família veio de Bogotá para dar apoio a Angélica, que estava vivendo com as filhas em um abrigo em Barranquilla para fugir do ex. “Eu renasci”, disse ela.

*As informações são da RedeTV! Notícias

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.