BUSCAR
BUSCAR
Prejudicados

MST tem prejuízo de R$ 90 mi e 420 famílias atingidas por chuvas no RS

Assentamentos têm produção de hortas, cultura leiteira e arroz
Agência Brasil
17/05/2024 | 16:44

Seis assentamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) sofreram os impactos das fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul, desde o final de abril, Entre os assentados, são 290 famílias desabrigadas, das quais 38 famílias conseguiram retornar para os próprios lotes, a fim de reconstruir as áreas devastadas. As demais estão em abrigos ou realocadas provisoriamente em outros assentamentos.

Ao todo, 420 famílias assentadas foram afetadas por algum transtorno relacionado a alagamentos, inundações de casas, perda da produção de alimentos, prejuízos de estruturas, ferramentas, maquinários, além da vida de animais. Levantamento preliminar divulgado hoje 17 pelo MST apontou prejuízo de 90 milhões de reais, considerando produção nas hortas, cultura leiteira e do arroz.

MST tem prejuízo de R$ 90 mi e 420 famílias atingidas por chuvas no RS - Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini
MST tem prejuízo de R$ 90 mi e 420 famílias atingidas por chuvas no RS - Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini

Os assentamentos atingidos estão localizados na região metropolitana de Porto Alegre e região central do estado: Integração Gaúcha (IRGA) e Colônia Nonoaiense (IPZ), em Eldorado do Sul; Santa Rita de Cássia e Sino, em Nova Santa Rita; 19 de Setembro, em Guaíba e Tempo Novo, em Taquari.

Leia também: Sem impacto do RS, Conab reduz projeção para safra de grãos 2023/24

Recorrência

O MST avalia que, para a reconstrução, é preciso uma mudança drástica no modelo de sociedade, de manejo ao meio ambiente e de produção agrícola. “Essas catástrofes acontecem como uma resposta da natureza, a natureza cansou. Isso é resultado da ação humana. O sistema capitalista em que nós vivemos em nosso país, em que o lucro está acima de tudo, ele vem gradativamente destruindo tudo”, disse, em nota, Salete Carollo, da direção estadual do movimento no estado gaúcho.

Há famílias, segundo o levantamento, que não querem retornar para suas terras por conta da recorrência das enchentes na região. “É a terceira enchente seguida e o efeito acumulado sobre a produção é de devastação praticamente total”, relatou a agricultora de arroz orgânico Dionéia Soares Ribeiro, em comunicado divulgado pelo MST.

Dionéia, que é coordenadora de insumos do MST no Rio Grande do Sul e diretora da Cooperativa dos Trabalhadores Assentados da Região de Porto Alegre (Cootap), avalia que a produção de arroz agroecológico está em risco, diante da possibilidade de chuvas cada vez mais severas.

Após o atendimento emergencial aos atingidos, como alimentação e abrigo, o MST aponta a necessidade de iniciativas do governo para que as famílias possam ser reassentadas em áreas em que não haja risco de inundação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Loterias Online da Caixa têm instabilidade em dia da Quina de São João
Nas casas lotéricas, as apostam ocorreram normalmente
22/06/2024 às 17:59
Caruaru comemora festa junina com 72 dias de programação
Festejos só terminam em 29 deste mês
22/06/2024 às 17:54
Surfistas potiguares têm pertences furtados após quarto de hotel ser invadido no Peru
A dupla recebeu apoio da federação local de surfe do Peru (Fenta), que providenciou um advogado e registrou um boletim de ocorrência
22/06/2024 às 17:15
Mega-Sena pode pagar hoje R$ 86 milhões
Apostas devem ser feitas até as 19 horas
22/06/2024 às 16:13
Quina de São João sorteia prêmio de R$ 220 milhões neste sábado 22
Apostas podem ser feitas até as 19h de hoje; não perca esta oportunidade
22/06/2024 às 10:45
Professores de pelo menos 25 universidades decidiram pelo fim da greve
Interrupção da paralisação não significa o retorno imediato às aulas
21/06/2024 às 21:34
Total de sindicalizados em 2023 alcança menor patamar desde 2012
Na comparação com 2022, houve queda de 7,8%
21/06/2024 às 21:24
Concurso da PF: sindicato prevê edital até 2025 com tecnólogo
Além disso, o presidente do sindicato revelou que o curso de tecnólogo ainda é aceito para o concurso da PF para perito criminal
21/06/2024 às 19:20
STF retoma julgamento sobre atendimento de pessoas trans no SUS
Sessão virtual começou hoje e vai até 28 de junho.
21/06/2024 às 18:14
Sites que vendem celular irregular podem ter multa de até R$ 6 milhões
Plataformas terão de informar código de homologação do telefone
21/06/2024 às 17:19
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.