BUSCAR
BUSCAR
Medida
MP abre ação contra filiado do PSL que teria invadido a casa da família e divulgado nome de menina vítima de estupro
No processo contra Pedro Teodoro dos Santos, promotoria pede indenização de R$ 300 mil por dano moral coletivo
Redação / OGlobo
21/08/2020 | 08:21

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES) abriu ação civil pública nesta quinta-feira contra Pedro Teodoro dos Santos, filiado do PSL no estado. O processo pede indenização de R$ 300 mil por dano moral coletivo no caso da vítima de estupro de 10 anos, que realizou aborto no começo desta semana. A informação é do portal OGlobo.

De acordo com a matéria publicada, o MP afirma que entre os crimes cometidos por ele está a obtenção, de forma ilegal, de detalhes do processo, como a identidade da menor, informação que é protegida pela Justiça.

A ação é assinada pelo promotor Fagner Rodrigues, que afirma que “tal conduta de Teodoro está incluída dentro de uma estratégia midiática de viés político-sensacionalista, iniciada pela que se porta como líder do grupo fundamentalista, a radical Sara Giromini”.

Leia a matéria completa clicando AQUI.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.