BUSCAR
BUSCAR
Mundo
Morre ex-ativista dos Panteras Negras que passou 43 anos em solitária
Ele se tornou o símbolo das falhas do mundo prisional americano
Redação
05/08/2022 | 16:49

Morreu na última quinta-feira 4, Albert Woodfox, um ex-militante dos Panteras Negras que passou 43 anos em confinamento solitário. As informações são do G1.

Albert Woodfox foi libertado em 2016. Na época foi condenado por um assassinato que ocorreu durante um motim em uma prisão, mas sempre disse que não era o culpado. Ele passou mais de quatro décadas sozinho em solitária, em uma cela pequena. Ele se tornou o símbolo das falhas do mundo prisional americano.

Woodfox morreu aos 75 anos por complicações relacionadas à Covid-19.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.