BUSCAR
BUSCAR
Proposta Aprovada
Ministério da Saúde autoriza retorno parcial de torcida no futebol brasileiro
Cada estado vai precisar fazer o seu protocolo e adotar medidas necessárias para receber o público
Redação
22/09/2020 | 15:12

A CBF recebeu sinalização positiva do Governo Federal para colocar em prática o protocolo da volta da torcida aos estádios. O Ministério da Saúde aprovou a proposta que prevê 30% de público nos estádios de futebol.

No entanto, cada estado vai precisar fazer o seu protocolo e adotar medidas necessárias para receber o público. Além disso, claro, é necessário o aval das secretárias de saúde estaduais e também o aval dos clubes – onde ainda não há um discurso uniforme, ao menos no momento.

Por conta dessa falta de unidade do discurso, ainda não há uma data oficial para o retorno do público aos estádios aqui no Brasil. Isso porque a maioria dos clubes quer que todo mundo volte em condições iguais, não com apenas alguns times tendo a liberação das secretárias de saúde e recebendo os torcedores.

Nas últimas semanas a CBF havia elaborado um rascunho da proposta com informações preliminares. O conteúdo trazia principalmente a limitação para somente a torcida mandante frequentar os estádios e não contemplar as Séries B, C e D do Nacional.

O plano da entidade é nas próximas semanas aprofundar a discussão com os clubes para se ter um protocolo mais rígido de conduta e de cuidados com o distanciamento social.

Alguns clubes incentivam o retorno da torcida principalmente para amenizar problemas com bilheteria. Como os jogos têm sido realizados com portões fechados desde o início da competição, as equipes têm acumulado prejuízos com os custos operacionais das partidas.

A CBF avalia uma forma de em todos os Estados ser possível ao mesmo tempo retomar a presença de torcida, para não gerar o desequilíbrio competitivo de um time ter público em casa e o outro, não.

Os últimos jogos com a presença de público no Brasil foram em março, ainda antes da paralisação pela pandemia do novo coronavírus, Os campeonatos nacionais recomeçaram em agosto, sem público.

A postura no Brasil era de cautela quanto à definição de prazo para liberar a torcida, porém nos bastidores sempre houve uma pressão de alguns clubes para se ter o assunto em pauta.

No Rio de Janeiro, a prefeitura do Rio já aprovou o retorno de torcedores em outubro em jogo do Flamengo no Maracanã.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.