BUSCAR
BUSCAR
Estratégia
Michelle cola em Bolsonaro durante viagem ao Rio Grande do Sul a seis meses da eleição
Presidente colocou em prática estratégia de utilizar imagem da primeira-dama para reduzir rejeição entre mulheres
Agência O Globo
08/04/2022 | 16:16

O presidente Jair Bolsonaro colocou em prática nesta sexta-feira a estratégia de utilizar mais a primeira-dama Michelle Bolsonaro em sua campanha à reeleição, ao levar Michelle para uma viagem ao Rio Grande do Sul. Bolsonaro exaltou a presença da esposa e inclusive passou a palavra para ela, gesto raro em viagens anteriores. Michelle é considerada pelo comitê de campanha um ativo eleitoral valioso, especialmente porque Bolsonaro tem grande rejeição no eleitorado feminino.

Durante uma cerimônia na tarde desta sexta em Bagé, Bolsonaro disse inclusive que essa foi a primeira vez que Michelle o acompanhou em uma viagem fora de Brasília. Entretanto, a primeira-dama esteve há duas semanas em um evento em Araguaina (TO).

— Satisfação de estar aqui em Bagé novamente, agora muito bem acompanhado da primeira-dama. É a primeira vez que ela sai comigo de Brasília — discursou Bolsonaro.

O presidente ressaltou que essa cena vai ocorrer mais vezes:

— Com toda certeza, outras vezes ela me acompanhará, com toda certeza. Porque isso abrilhanta, realmente, o evento, e nos traz mais tranquilidade.

Bolsonaro, então, passou a palavra para Michelle, dizendo que queria testar sua “oratória”. A primeira-dama fez uma breve fala, encerrada com o mote da campanha de Bolsonaro em 2018.

— Boa tarde a todos. Agradecer o carinho, agradecer o apoio de todos. Prefeito, muito obrigada. É sempre muito bom participar de entregas como essa, que traz dignidade e cidadania pro nosso povo. Muito obrigada pelo carinho, pelas orações, pelo apoio. E Brasil acima de tudo, Deus acima de todos.

Mais cedo, Michelle já havia acompanhado Bolsonaro em uma agenda em Pelotas, tendo sido aplaudida ao ser anunciada pelo presidente.

— Uma pessoa ao meu lado que muito me ajuda é a primeira-dama, a senhora… — disse Bolsonaro, sendo interrompido por aplausos.

No último mês, Michelle participou do lançamento da pré-candidatura de Bolsonaro e também fez um breve discurso no evento. Depois, também compareceu ao evento da filiação ao Republicanos, partido da base aliada do governo, dos ex-ministros Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) e Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), nomes populares do governo e apostas de palanque do presidente.

Como mostrou a colunista do GLOBO Malu Gaspar, a coordenação de campanha do presidente convenceu Bolsonaro a permitir que a primeira-dama participe de forma mais ativa dos eventos que miram a reeleição.

A nova estratégia conta com o envolvimento de Michelle em agendas relacionadas às mulheres. A primeira delas será viajar pelo Brasil, especialmente pelas regiões Norte e Nordeste, acompanhando o programa de empreendedorismo para mulheres comandado pela secretária de Produtividade e Competitividade da equipe de Paulo Guedes, Daniella Marques. O comitê do programa se reuniu pela primeira vez nesta quinta-feira.

As aparições da primeira-dama têm sido destacadas pela comunicação do PL nas redes sociais. A expectativa do partido é que o engajamento dela se intensifique, atraindo ainda mais filiados.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.