BUSCAR
BUSCAR
Violência
Manifestantes entram em confronto com a polícia nos EUA após morte de homem negro
Região onde Daunte Wright, de 20 anos, foi morto, fica perto do local onde George Floyd morreu asfixiado por um policial
G1
12/04/2021 | 08:43

Manifestantes entraram em confronto com a polícia em Minneapolis, no estado de Minnesota, nos Estados Unidos, neste domingo 11, depois que um policial matou um homem negro.

A vítima foi identificada por parentes no local como Daunte Wright, de 20 anos, segundo o jornal “Star Tribune”.

O caso ocorreu a cerca de 16 km de onde George Floyd foi morto, em maio do ano passado, também durante uma ação policial.

Um grupo chegou a jogar pedras em policiais, que responderam com bombas de gás lacrimogêneo e tiros com balas de borracha.

Em um comunicado, a polícia do Brooklyn Center disse que os policiais pararam um homem devido a uma infração de trânsito, pouco antes das 14h, e descobriram que ele tinha um mandado de prisão pendente.

Enquanto a polícia tentava levá-lo preso, ele voltou a entrar no veículo e um policial atirou, segundo o comunicado. O motorista ainda dirigiu por vários quarteirões antes de atingir outro veículo e morrer no local.

O governador de Minnesota, Tim Walz, disse que estava monitorando a situação. “Estamos orando pela família de Daunte Wright, enquanto nosso estado lamenta outra vida de um homem negro levado por policiais”, escreveu Walz no Twitter.

A morte ocorre durante o julgamento de Derek Chauvin, ex-policial de Menneapolis acusado de matar George Floyd, que entra hoje em sua terceira semana de depoimentos. Em uma abordagem policial, Chauvin ajoelhou-se sobre o pescoço de Floyd, que já estava algemado, asfixiando-o até a morte.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.