BUSCAR
BUSCAR
Prova
Mãe faz ‘chá de revelação de DNA’ após homem duvidar da paternidade de menino
Gravação que mostra que ex-marido, de fato, é pai do menino tem mais de 137 mil visualizações na internet. Mãe diz que sofreu muito com boatos de que ele não era pai do bebê.
g1
25/09/2021 | 15:50

A estudante de enfermagem Vanda Ferreira Costa, de 38 anos, fez um “chá de revelação de DNA” após o ex-marido duvidar da paternidade do menino, em Palestina de Goiás, no sudoeste de Goiás. O vídeo da revelação, que mostra que o homem de fato é pai do bebê, viralizou nas redes sociais.

“Como o pai do Antônio Mikael pediu o DNA, fizemos. Se der positivo, quando eu estourar o balão azul, vai aparecer a fotinha do papai e da mamãe no período da gestação”, disse a mãe no vídeo.

A gravação foi publicada na quinta-feira (24) e já tem mais de 137 mil visualizações. Ela contou ao g1 que fez o vídeo para mostrar para a cidade que, de fato, ela estava certa em relação à paternidade de seu filho.

“A gente mora em uma cidade muito pequena. O pessoal ficava comentando que não era filho dele. Ficava falando que era filho de ‘tiquinho de um e tiquinho de outro’. Isso me machucava muito. Por isso gravei, só não esperava que teria tanta repercussão”, contou a estudante.

O pai do menino, Luis Antônio, disse apenas que, quando o filho nasceu, pediu um exame de DNA e Vanda disse que não faria, pois a criança não seria dele.

Vanda disse que os boatos começaram a surgir ao 3ª mês de gestação, quando ela terminou o relacionamento com o pai do bebê. Ela disse ainda que entrou na Justiça para conseguir com que ele pague a pensão do menino.

Ela disse ainda que teve uma gestação muito complicada. Além dos comentários ofensivos, no 8ª mês de gravidez ela teve Covid-19, ficou uma semana em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e teve que passar por um parto de emergência.

“Foi muito difícil. Era só eu. Meus pais são idosos e não puderam me acompanhar, mas agora está tudo certo. Consegui provar que eu estive certa o tempo todo”, contou.

Após a grande repercussão do vídeo, a estudante de enfermagem disse que espera que a gravação sirva de inspiração para outras mães que estejam passando pela mesma situação que ela passou.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.