BUSCAR
BUSCAR
Coronavírus
Laboratórios registram aumento de procura por testes de Covid-19 em Natal
Procura pelos exames foi maior antes e após as festividades de fim de ano, de acordo com os laboratórios consultados. Médico acredita que, mesmo com a chegada da vacina, haverá maior busca pelo exame de sorologia
Redação
21/01/2021 | 07:53

Os testes Swab, sorologia e teste rápido para o novo coronavírus foram bastante procurados nos laboratórios desde o início da pandemia na capital potiguar. De acordo com três instituições de Natal, que realizam os testes, a procura para os exames cresceu acentuadamente no final de 2020.

De acordo com o José Lúcio do Nascimento, médico e sócio do laboratório Hemolab, com a chegada da vacina também haverá maior busca pelo exame de sorologia, no qual o solicitante consegue saber se já teve ou não o vírus.

Segundo o médico, após as festividades de final de ano houve um aumento expressivo nos testes de sorologia, que servem para saber se o paciente já teve a doença. “Eu acredito que após a vacina as pessoas irão procurar ainda mais para saber se tiveram o vírus, estamos realizando 120 testes por dia desde o início do ano”, relatou.

De acordo com o Dr. José Lúcio foram realizados mais de 20 mil testes para a doença em 2020 pelo Hemolab, localizado no bairro Petrópolis e em outros 15 locais da cidade. Na distribuição foram 18.358 mil exames RT PCR, 5.851 mil testes Antígeno e 9.926 para sorologia.

Ainda no ano passado, o Hemolab realizou os testes para o evento Let’s Pipa, no total foram feitos 1800 exames do tipo RT-PCR para quem esteve no local. Ainda segundo o Dr. Lúcio, no período de 10 de dezembro a 10 de janeiro, o laboratório efetuou 200 testes diariamente para a doença, antes desse período eram 80 por dia.

LAES

O Laboratório de Análises Clínicas Especializadas (LAES), informou que em 2020 foram realizados mais de 400 testes da Covid-19, entre swab, sorologia e teste rápido. De acordo com o LAES, a procura pelos exames é maior em período de festas, antes e depois.

Paulo Gurgel

De acordo com o diretor do laboratório, Paulo Gurgel, houve um aumento considerável desde março até dezembro, principalmente no período do natal, com uma procura bem maior nesta data. Até o final da reportagem o laboratório não conseguiu repassar os dados exatos das testagens para a doença.

Os chamados RT-PCR e o sorológico são exames diagnósticos considerados como ass principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para controlar a disseminação do novo coronavírus, quando realizados junto ao isolamento social.

Conforme os últimos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Covid-19, do IBGE, até novembro do ano passado, mais de 28 milhões de pessoas fizeram teste para saber se estavam infectadas pelo coronavírus. Desse total 6,5 milhões testaram positivo.

Na comparação com outubro, mais 2,9 milhões de pessoas realizaram algum exame e 754 mil foram diagnosticadas com o novo coronavírus.
Ainda conforme a PNAD Covid-19 os exames mais realizados foram o SWAB, procedimento em que o material é coletado com cotonete na boca e/ou nariz do paciente (12,7 milhões) e o teste rápido com coleta de sangue por um furo no dedo (12,4 milhões).

Outros 8 milhões fizeram o exame com sangue retirado na veia do braço. Os dados são da última edição da PNAD COVID19, divulgada em 23 de dezembro pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.