BUSCAR
BUSCAR
Israel

Israel expande operações terrestres em Gaza após cortar internet do enclave

Israel está expandido os ataques na Faixa de Gaza
Estadão Conteúdo
28/10/2023 | 06:55

Israel disse nesta sexta 27 que suas forças terrestres estão expandindo os ataques na Faixa de Gaza, à medida que se aproxima de a ordem de invasão do território sitiado. A internet do enclave palestino foi cortada, deixando a população sem comunicação com o exterior. “O Hamas sentirá nossa ira esta noite”, disse Mark Regev, assessor do premiê israelense, Binyamin Netanyahu, em entrevista à emissora MSNBC, dos EUA.

O comando militar israelense confirmou que suas tropas estão combatendo dentro da Faixa de Gaza pelo segundo dia seguido, mas recusou-se a dizer se a operação foi o início de uma invasão terrestre em grande escala. Durante dois dias, o Exército de Israel fez incursões dentro do enclave.

Guerra em Israel. Foto: Reprodução
Guerra em Israel. Foto: Reprodução

“Nossas tropas e tanques estão dentro da Faixa de Gaza. Eles estão trocando tiros e realizando operações”, afirmou o major Nir Dinar, porta-voz militar. “Mas nossas tropas e tanques também estiveram dentro de Gaza na quinta-feira”, acrescentou.

Cerco total

O Hamas respondeu. Um alto funcionário do grupo disse que estava “pronto” para uma invasão terrestre israelense. Ezzat al-Rishaq, membro do gabinete político, postou no Telegram: “Se Netanyahu decidir entrar em Gaza esta noite, a resistência estará pronta ”

A invasão terrestre seria o início a uma nova fase na guerra, de acordo com autoridades israelenses. O ministro da Defesa de Israel, Yoav Gallant, descreveu a etapa terrestre como “cansativa e aberta” devido aos combates urbanos, em regra lentos, longos e sangrentos.

Segundo Gallant, Israel tem atuado para destruir a rede de túneis do Hamas, que oferece uma vantagem para os terroristas no campo de batalha. Ele também afirmou que espera uma fase de combates de baixa intensidade, enquanto Israel destrói “bolsões de resistência”.

O avanço de ontem de Israel em Gaza ocorreu em meio a um apagão “total ou quase total” da internet no território palestino, a maior interrupção de sinal desde o início das hostilidades, em 7 de outubro, de acordo com grupos de monitoramento. Jornalistas, médicos e funcionários da ONU disseram que perderam contato com colegas dentro do território palestino.

Colapso e fome

O corte de comunicação afetou o contato entre o Escritório de Representação do Brasil em Ramallah, na Cisjordânia, e os 34 brasileiros que estão presos na Faixa de Gaza. O grupo, porém, está em segurança, segundo o Itamaraty.

Israel também cortou o fornecimento de eletricidade, água, combustível e alimentos para os 2,3 milhões de habitantes de Gaza – dos quais 1,4 milhão estão deslocadas e 640 mil vivem abrigadas em instalações de emergência da ONU, de acordo com a agência da ONU para refugiados palestinos (UNRWA, na sigla em inglês).

Philippe Lazzarini, chefe da UNRWA, disse ontem que os últimos serviços públicos estavam “entrando em colapso” e as ruas estavam sujas de esgoto. “Nossa operação de ajuda está desmoronando e, pela primeira vez, os funcionários da ONU relatam que as pessoas estão com fome”, disse. De acordo com ele, os pequenos comboios de ajuda que Israel permitiu que entrassem em Gaza nos últimos dias “não farão diferença.”

Jornalistas

Em carta enviada ontem a agências de notícias, o Exército de Israel disse que não pode garantir a segurança dos jornalistas em Gaza. “Recomendamos fortemente que vocês tome todas as medidas necessárias para sua segurança”, dizia a mensagem. Em três semanas de conflito, 27 jornalistas morreram no fogo cruzado. (COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS)

VÍDEO: Dois helicópteros da Marinha da Malásia se chocam durante ensaio
Acidente causou morte dos 10 tripulantes a bordo, conforme comunicado oficial da Marinha
23/04/2024 às 10:10
Filme com Wagner Moura, “Guerra Civil” lidera bilheteria nos EUA na 2ª semana
Produção arrecadou US$ 44,8 milhões no país desde a estreia e se tornou o maior lançamento da A24
22/04/2024 às 11:13
Chefe dos serviços secretos militares de Israel pede demissão
Aharon Haliva assumiu "culpa" por não ter evitado ataque em outubro de 2023
22/04/2024 às 10:48
Bebê em Gaza é salvo do útero da mãe morta em ataque israelense
Sabreen Al-Sakani estava grávida de 30 semanas no momento do bombardeio
21/04/2024 às 13:58
“Cometa do Diabo” ficará visível no Brasil neste domingo; veja horário
Corpo celeste poderá ser visto com uso de binóculo e telescópio
19/04/2024 às 18:35
Itamaraty mostra preocupação com aumento da tensão entre Israel e Irã
Agência iraniana nega ocorrência de explosões no país
19/04/2024 às 17:46
Homem é preso por suspeita de entrar com bomba na embaixada do Irã em Paris
Caso acontece no mesmo dia em que Israel fez ataques contra o Irã; ainda não há confirmação se as ocorrências têm relação
19/04/2024 às 11:16
Taylor Swift lança álbum ‘The Tortured Poets Department’
O álbum é duplo e apresenta uma versão extra contendo 15 faixas adicionais, além das 16 músicas previamente anunciadas
19/04/2024 às 10:01
Israel diz que projeto para adesão plena da Palestina na ONU é vergonhoso
Resolução foi vetada pelos Estados Unidos no Conselho de Segurança
18/04/2024 às 20:00
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.