BUSCAR
BUSCAR
Economia
Incentivo do Governo leva a reabertura da Itagres e fortalece indústria do RN
Governadora Fátima Bezerra destaca importância do Proedi no fortalecimento da indústria no Rio Grande do Norte
Redação
12/03/2022 | 09:29

A governadora Fátima Bezerra participou, nessa quinta-feira (10) em São Paulo (SP), da 20ª Edição da Expo Revestir, a maior feira de revestimentos e acabamentos da América Latina. Três empresas desse setor, instaladas no Rio Grande do Norte, participam da exposição. A governadora destacou a importância do Programa de Estímuilo ao Desenvolvimento Industrial (Proedi) enquanto propulsor dessa atividade no Estado, como parte de uma política pública de atração de investimentos com efeito na geração de emprego e renda. Ela destacou também a retomada das atividades da Itagres Revestimentos Cerâmicos, em Mossoró, após oito anos de interrupção. A empresa é uma das maiores no ramo ceramista do Brasil, e desde fevereiro deste ano, passou a gerar 150 empregos diretos.

A governadora destacou a importância dos esforços através de políticas públicas, sem ações isoladas, como um dos principais caminhos à competitividade do Estado e geração de emprego e renda. Além da Itagres, as fábricas Elizabeth, em Goianinha, e Thor Granitos (em Parelhas), que também aderiram ao Proedi, marcaram presença na Feira.

“Que bom ver aqui na Expo Revestir, que é um dos maiores eventos nacionais do setor, as empresas que atuam no Rio Grande do Norte participando de um evento tão expressivo como esse. O cenário promissor que os investidores estão encarando no RN considera o diferencial que temos, que é a matéria-prima e o gás, o mais barato do Brasil”, declarou Fátima Bezerra.

O preço praticado pela Potigás (Companhia Potiguar de Gás) é um dos mais baixos do país porque o principal contrato de suprimento é com uma empresa local, que não sofre as variações de preço do petróleo no mercado internacional.

O gás canalizado é um dos insumos básicos da maioria das indústrias. O valor de venda do gás natural veicular pela Potigás acumula, em 2022, redução de 12,85% ou de R$ 0,47 no metro cúbico.

DESENVOLVIMENTO. O diretor de relações institucionais da Aspacer (Associação Paulista das Cerâmicas de Revestimento), Luis Fernando Quilici, anunciou em suas redes sociais o projeto potiguar da implantação de um Centro de Certificação de Cerâmica no estado.

“No estande da Cerâmica Elizabeth acabo de me reunir com a governadora do Rio Grande do Norte. Na próxima semana, técnicos do governo estadual e da universidade estarão visitando a experiência bem sucedida do Centro Cerâmico do Brasil (CCB), em Santa Gertrudes [São Paulo]”, disse Quilici.

A fábrica Elizabeth está no Rio Grande do Norte desde 2017, gera no estado mais de 400 empregos diretos e estuda a expansão no território.

Já a Thor Granitos, sediada no município de Parelhas (RN), está entre as maiores indústrias das Américas no segmento de rochas ornamentais, e grande parte da matéria prima é originária da região do Seridó.  Com o apoio do Proedi, a empresa está expandindo suas operações e vai dobrar a produção até o fim do primeiro semestre.

O presidente da fábrica Armil Mineração, João Leão Eulálio, também localizada em Parelhas, esteve no evento e acompanhou a governadora potiguar. Apesar de não expor na feira, muitos dos expositores são clientes da Armil, que tem produtos variados, como revestimentos, tintas e abrasivos e é considerada a maior empresa brasileira em capacidade instalada no ramo de beneficiamento de feldspato (grupo de minerais), gerando aproximadamente 90 empregos diretos com o incentivo do Proedi.

O incentivo fiscal do Proedi para a indústria da cerâmica pode chegar a 95% de crédito presumido sobre o ICMS, de acordo com critérios como geração de emprego, entre outros.

O RN possui grande potencial mineral, caracterizado principalmente pela sua diversidade, envolvendo minerais metálicos, não metálicos e energéticos. Destacam-se o petróleo, gás natural, sal marinho, calcário, diatomita, scheelita, mármore, rochas ornamentais, ouro, feldspato, caulim, gemas, tantalita-columbita, mica, água mineral, além de areia, calcário e granito para agregado, usado na construção civil.

Além dos incentivos fiscais, o Governo do Estado realiza outras ações em prol da mineração no RN, como a instalação da Câmara Setorial de Mineração; a elaboração do Plano Decenal de Geologia e Mineração (2020-2030); o Fórum Estadual Mineral e o lançamento dos novos Mapas de Geologia e de Recursos Naturais do RN.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.